Publicado 25/04/2021 - 14h20 - Atualizado 25/04/2021 - 14h22

Por Ângelo Barioni/ Correio Popular


A CBF sorteou nesta sexta-feira os confrontos da Terceira Fase da Copa do Brasil. 32 times foram divididos em dois potes com 16 cada. O Palmeiras, atual campeão do torneio, vai enfrentar o CRB-AL, enquanto o São Paulo, semifinalista na temporada passada, vai duelar com o 4 de Julho-PI. Já o Santos jogará contra o Cianorte-PR. Corinthians e RB Bragantino, por sua vez, vão medir forças com times da Série A. O Timão enfrenta o Atlético-GO e o Massa Bruta duela com o Fluminense.
Incerteza
A cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, adiados no ano passado por causa da pandemia do novo coronavírus, ocorrerá daqui a três meses. Mas o Japão ainda vive um clima de incerteza. Por conta do aumento de casos de covid-19 em várias regiões do país, o governo local decidiu voltar ao estado de emergência, a partir deste domingo até 11 de maio, em Tóquio e nos distritos de Osaka, Kyoto e Hyogo.
"Fazer mil gols como Pelé não é difícil. Difícil é fazer um gol como Pelé". Carlos Drummond de Andrade, foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o mais influente poeta brasileiro do século XX. 
Alerta?
O péssimo resultado obtido pelo Corinthians diante do River Plate do Paraguai, em Assunção, não é encarado como sinal de alerta. Na verdade, trata-se de tragédia anunciada.
Preocupação
No que se refere a classificação, o resultado deixa os corintianos em uma condição difícil na chave, já que apenas um clube se classifica e o River tende a ser o fiel da balança.
Reflexo
Desperdiçar dois pontos, enquanto Sport Huancayo (PER) e principalmente o Peñarol (URU) podem conquistar diante dos paraguaios, é temeroso demais.
Animado
Um dos jogadores que mais evoluíram com a comissão técnica de Hernán Crespo foi Luan, que era conhecido pela forte marcação.
Correspondeu
Desde a chegada do treinador argentino, o volante tem participado da construção de jogadas ofensivas, que sacramentou no primeiro gol do São Paulo diante do Sporting Cristal (PER), por 3 a 0, na Libertadores.
Vai embora
O atacante Soteldo afirmou que deseja trocar o Santos pelo Toronto FC, do Canadá. O clube, que disputa a Major League Soccer, fez uma oferta de US$ 6 milhões (cerca de R$ 33 milhões) por 75% do jogador e o Peixe negocia um acordo com o Huachipato para a transferência.
Histórico
No ano passado, Soteldo teve uma oferta do Al Hilal, da Arábia Saudita, de US$ 7 milhões. O Santos chegou a aceitar a proposta, o jogador se despediu, foi homenageado com a braçadeira de capitão, mas depois desistiu da proposta do time saudita.
Em alta
Uma das principais surpresas positivas do Palmeiras neste início de temporada vem sendo o jovem zagueiro Renan. Enquanto Luan, mais experiente, acumula falhas, o atleta de apenas 18 anos está mostrando muita segurança e conquistando cada vez mais a confiança de Abel Ferreira.
Último segundo
Ponte Preta contou com um gol de Moisés nos acréscimos do segundo tempo para se reabilitar no Campeonato Paulista e ganhar do São Caetano, por 2 a 1, de virada, na noite de quinta-feira, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul, pela sétima rodada.
Critério
Com os mesmos dez pontos da Ferroviária, a Ponte segue na terceira colocação do Grupo B porque leva desvantagem no saldo de gols.
Quarentena
Por enquanto a Ponte Preta segue com apenas um lateral-direito de ofício: Apodi. O atleta Felipe, do Grêmio, testou positivo para a Covid-19 e deve chegar apenas na próxima semana.
Briga dos grandes
O banco americano JPMorgan reconheceu, nesta sexta-feira, que avaliou mal a Superliga Europeia, uma competição polêmica que acabou suspensa depois de vários clubes desistirem. O banco era um dos financiadores da competição entre os grandes clubes da Europa, em um valor aproximado de 4 bilhões de euros (cerca de R$ 26 bilhões na cotação atual). O incentivo à criação da Superliga, além de irritar os amantes do futebol, também afetou os investidores: desde o final de semana passado, as ações do banco caíram mais de 5%.

Escrito por:

Ângelo Barioni/ Correio Popular