Publicado 19/01/2021 - 06h00 - Atualizado 20/01/2021 - 09h55

Por Do Correio

Nôvo estilo do Plenário

Reprodução

Nôvo estilo do Plenário

O PRÉDIO NOVO DA NOSSA CASA DE LEIS, A CÂMARA
A ditadura chegava ao fim. O presidente Dutra chefiava um nôvo governo, moderado. Campinas era uma cidade em pleno processo de aceleração desenvolvimentista. Construia-se um Palácio da Justiça, o "Fórum" e no quinto andar daquele edifício, a Câmara Municipal estava instalada de maneira tida como definitiva por muita gente. E isto quase tornou-se uma verdade histórica. Principalmente quando o governo estadual passou a incentivar a presença da Câmara no seu prédio do Poder Judiciário. Agora porém, a situação vai mudar, "e para melhor", segundo o presidente Aldiuo Zini: é que a Câmara vai mudar para o Palácio dos Jequitibás, na ala esquerda, que já era sua desde a elaboração do projeto, há muito tempo.
 
EMBAIXADOR BUCHER ELOGIA ATITUDE DO BRASIL
A própria atitude do govêrno brasileiro envidando esforços para minha libertação, servira, tenho certeza, para engrandecer a imagem que Brasil vem tendo no exterior, afirmou hoje à tarde o embaixador Giovanni Bucher na sede da representação suíça em Brasília. O embaixador da Suiça compareceu o tratamento brasileiro que foi dado ao seu sequestro com a atitude vizinha do govêrno uruguaio, observando que, nesse momento, o embaixador Jackson só pode ser socorrido por uma "organização": o govêrno uruguaio. "Da mesma forma, comentou, enquanto estive preso minha vida só dependia do govêrno brasileiro. A ele devo meu agradecimento".
 
OPERÁRIOS FAZEM GREVE DE UMA HORA NA POLÔNIA
Os operários dos estaleiros Lenin de Gdansk pararam hoje, durante uma hora, a fim de apresentar suas rei-% vindicações a direção, informou um dos redatores chefe do jornal comunista da cidade de "Glos Vygrzeza" interrogado por telefone sobre a situação. Os operários dos estaleiros navais de Gdansk, discutirão em breve com as autoridades do Estado suas reivindicações, declarou hoje um comunicado da indústria dos portos de Gdansk e Gdynia. Este porta-voz recusou informar a respeito da natureza destas reivindicações mas segundo fonte autorizada consiste principalmente numa revisão geral dos salários.

Escrito por:

Do Correio