Publicado 10/12/2020 - 06h00 - Atualizado 09/12/2020 - 14h51

Por Do Correio

Centro Comercial da Vl. Boa Vista

Reprodução

Centro Comercial da Vl. Boa Vista

CENTRO COMERCIAL DA VILA BOA VISTA
Encontra-se aberta na sede da Companhia de Habitação Popular de Campinas — COHAB — concorrência pública para a venda de compartimentos do "Centro Comercial de Vila Boa Vista". Os interessados deverão apresentar suas propostas no dia 6 de janeiro de 1971, na sede desta entidade, no horário das 14 às 15 horas, sendo absolutamente imprescindível adquirir, mediante o pagamento de Cr$ 20,00, o caderno de concorrência, contendo tôdas as normas sob as quais será levada a efeito a licitação, com as explicações necessárias e suficientes à perfeita e regular elaboração das propostas. Os eventuais esclarecimentos suplementares desejados pelos concorrentes, serão prestados pelos órgãos técnicos da Autarquia Mu-nicipal, nos horários normais de seu expediente.
 
GOVÊRNO ACEITA EXIGÊNCIAS PELO RESGATE
Após audiência hoje com os Ministros Militares e o Ministro das Relações Exteriores, o professor Alfredo Buzaid, divulgou a seguinte nota: "O Ministro da Justiça comunica que o governo, no empenho de preservar a vida e a liberdade do embaixador da Suiça, sr. Giovanni Enrico Bucher, aguarda: a) a carta do embaixador, escrita do próprio punho, dizendo do seu estado; b) relação nominal dos terroristas presos. O governo manifesta a mais profunda repulsa ao sequestro do embaixador e ao atentado contra o Agente Federal, Helio Carvalho Araujo e declara que os sequestradores são responsáveis pela vida e incolumidade do diplomata suiço".
 
NOVOS DEPOIMENTOS CONFIRMAM MATANÇA
Os civis assassinados pelos soldados norte-americanos em My Lai, Vietnã do Sul, em março de 1968, eram levados à fossa da morte em grupos de cinco a dez, revelou ontem aqui uma testemunha. Tal revelação foi feita por Thomas Turner ante a corte marcial de Fort Benning encarregada de julgar o tenente William Calley, considerado o principal responsável pela matança de My Lai. Outra testemunha, revelou que o tenente Calley e Paul Meablo dispararam durante três ou quatro minutos contra os civis, amontoados na fossa.

Escrito por:

Do Correio