Publicado 25/11/2020 - 08h05 - Atualizado 25/11/2020 - 08h05

Por Maria Teresa Costa


Dois nomes já estão despontando para a presidência da Câmara a partir de janeiro: os vereadores Luiz Rossini (PV) e Luiz Cirilo (PSDB). Pelo menos nos bastidores do Legislativo, corre que a presidência deve ficar com algum dos vereadores reeleitos, que já têm experiência nos trâmites. Mas isso pode não ocorrer, dependendo das composições. Em 15 de novembro foram eleitos 16 novos vereadores, uma renovação de 48,4% da Casa. E eles terão peso na decisão.
Gastos de campanha
O candidato a prefeito Rafa Zimbaldi (PL) declarou à Justiça Eleitoral que arrecadou R$ 7,01 milhões para a campanha eleitoral, dos quais R$ 6,5 milhões oriundos do partido. Rafa contraiu despesas de R$ 4,5 milhões. Os valores referem-se ao primeiro e segundo turnos das eleições. Os candidatos tiveram limite de gasto de R$ 5,07 milhões no primeiro turno e de R$ 2,03 milhões no segundo. O site do TSE não traz informações atualizadas de Dário Saadi (Republicanos).
Independente
O vereador eleito Major Jaime (PP) disse à coluna que terá postura independente na Câmara. O PP integra a coligação do candidato Rafa Zimbaldi (PL) a prefeito, mas alguns integrantes da legenda, entre eles o vereador eleito, apoiaram a candidatura de Artur Orsi (PSD). Fora do páreo, Artur declarou apoio a Dário Saadi (Republicanos). Major Jaime quer seguir com independência.
Quarentena
Publicado ontem no Diário Oficial do Município a prorrogação da quarentena no Legislativo até 18 de dezembro, último dia antes do recesso parlamentar. Assim, já está definido quando será o primeiro ato do novo presidente do Legislativo, a ser eleito em 1º de janeiro: definir se a quarentena continuará ou não em janeiro.
Novo
O Partido Novo reforçou ontem que não apoiará nenhum dos candidatos do segundo turno em Campinas. "Qualquer que seja o eleito no dia 29, estaremos presentes na Câmara para fiscalizar com independência suas ações", diz a legenda. O Novo elegeu um vereador, Paulo Gaspar.
Entidades sindicais, organizadas pelo presidente do PDT, Francisco Soares, vão prestar apoio hoje, às 18h, ao candidato a prefeito Dário Saadi (Republicanos). O encontro será as 18h, no barracão do PSB, no Jardim Leonor. Chico informa que lá estarão representantes sindicais dos frentistas, rodoviários, carros-fortes, hoteleiros, servidores e das centrais sindicais CTB e UGT.
Explicações
O prefeito eleito de Santa Bárbara d´Oeste, Rafael Piovezan (PV), disse, ao O Liberal, que alguém vai ter que explicar a pesquisa eleitoral na cidade que, três dias antes da eleição, colocava Dr. José (PSD) com 52,32% dos votos, contra 20,17% para ele.
Costureiras
O candidato a prefeito Rafa Zimbaldi disse que, na sua gestão, além de garantir uniforme de graça e em ótima qualidade aos alunos da rede municipal, dará oportunidade para que as mães desempregadas sejam contratadas e recebam um salário para produzir as roupas.
Retomada de investimentos
Levantamento da Fundação Seade aponta uma retomada dos investimentos no setor de serviços no terceiro trimestre no Estado. O setor concentrou de 60% dos R$ 5,6 bilhões apurados no período. Na comparação com o trimestre anterior, cresceram quase quatro vezes, obtendo seu melhor resultado em cinco trimestres. Entre os 17 subsetores dos com maiores investimentos atividades imobiliárias (R$ 2,0 bilhões) e o ramo de aluguéis não imobiliários (R$ 1,3 bilhão), seguidos pela prestação de serviços de informação (R$ 724 milhões).
Maria Teresa Costa, jornalista.

Escrito por:

Maria Teresa Costa