Publicado 20/11/2020 - 06h00 - Atualizado 19/11/2020 - 13h40

Por Do Correio

Iluminação festiva começa a ser colocada nas ruas da cidade

Reprodução

Iluminação festiva começa a ser colocada nas ruas da cidade

NATAL: É TEMPO DE COMPRAS E FESTAS
Com o primeiro calor do verão que ainda não começou oficialmente, o fim de ano chegou segunda-feira a Campinas. Foi neste dia que o comércio deu início às suas campanhas promocionais de vendas de fim de ano desde a mais simples loja de artigos baratos na rua Costa Aguiar até a mais sofisticada boutique da Thomaz Alves. É tempo de festas, logo, é tempo de compras. O período mais intenso será entretanto o que vai de 7 a 23 de dezembro, quando as casas comerciais começarão a funcionar até às 22 horas de segunda a sexta-feira e até às 18 horas no último sábado antes do Natal. A preocupação maior no momento, é saber exatamente o que vai ser mais procurado pela população, no período nobre do comércio em todo o mundo. No Brasil particularmente, o índice é elevado, principalmente nesta época que é pago o décimo terceiro salário, bonificações, etc a todos os empregados.
 
ELEIÇÕES: RESULTADOS DAS APURAÇÕES
Com os trabalhos terminados ontem pela Secretaria Geral das Juntas Apuradoras, chegou à sua fase final o pleito de 15 último em Campinas. Sob a supervisão do m. Juiz Eleitoral da 33.a Zona, Dr. Manoel Carlos Figueiredo Ferraz Filho, as eleições decorreram na mais absoluta ordem e, agora, inclusive no tocante às apurações e contagens de todos os mapas das seis Juntas Apura-doras. Esses dados oficiais, totalizando os votos de todos os candidatos sufragados, estamos publicando na 3.a página e num confronto com 25 extra-oficiais que vinhamos computando, em colaboração com a Rádio Cultura, notam-se, apenas, pequenas diferenças, o que revela a perfeição dos nossos serviços e exatidão do noticiário estampado. Ao final das tarefas de ontem, o distinto magistrado agradeceu a colaboração prestada pela imprensa e rádio, agradecimentos êsses que, da nossa parte, retribuímos, pelas atenções que recebemos de sua pessoa, do encarregado de relações públicas José Pereira Esmeriz e bem assim do secretário geral das Juntas, sr. René Emiliano Carneiro, e do chefe do Cartório Eleitoral, sr. Ney Alvarenga.
 
FOTÓGRAFO DEPÕE SOBRE MATANÇA NO VIETNÃ
O fotógrafo militar que revelou a trágica matança de My Lai, na qual pereceram 102 civis vietnamitas, em março de 1968. foi ontem, a principal teste-munha da acusação contra o tenente William Calley. Ronald Haeberle, o hoje famoso fotógrafo, confirmou ter presenciado a matança de homens, mulheres e crianças, porém disse que não viu o tenente Calley disparar sobre a multidão de civis. Haeberle pontualizou que as vítimas estavam agachadas.

Escrito por:

Do Correio