Publicado 15/11/2020 - 06h00 - Atualizado 13/11/2020 - 12h29

Por Do Correio

Ônibus precipita-se do viaduto

Reprodução

Ônibus precipita-se do viaduto

ÔNIBUS PRECIPITA-SE DO VIADUTO "MIGUEL CURY"
Ontem, às 8,30 horas, ocorrência incomum registrou-se em Campinas, quando um ônibus da Companhia Campineira de Transportes Coletivos, de placa RW-0726, veio a se chocar contra a mureta protetora do Viaduto "Miguel Vicente Cury" e em seguida, para tremendo susto e pavor dos passageiros, motorista e cobrador, precipitar-se nos jardins passeios do referido logradouro. Felizmente não havia nenhuma pessoa transitando pelo local naquele instante, caso contrário teria sido atingido e morto pelo coletivo, que teve parte de sua dianteira penetrada no solo. O ônibus fazia a linha Vila Pompéia-Cidade e a causa determinando o desastre não ficou ainda apurada. Pode ter ocorrido uma falha mecânica ou ainda o solo escorregadio levado o coletivo a se desgovernar, bater contra a mureta, rompê-la e a seguir, cair para o jardim do Viaduto.
 
131.394 ELEITORES CONVOCADOS ÀS URNAS
Em todo o território brasileiro, ferem-se hoje as eleições para a escolha de dois terços do Senado e das novas composições da Câmara Federal e das Assembléias Legislativas Estaduais, sendo que em alguns Estados e muitos Municípios serão eleitos, também, Prefeitos Municipais e Câmaras Municipais. No Estado de São Paulo, o pleito será para indicação de dois senadores e de 43 deputados federais e 67 estaduais, achando-se aptos a votar, precisamente, 6.548.706 eleitores. Em Campinas, estão convocados a comparecer às urnas 131.394 eleitores, estando tudo preparado para que a batalha eleitoral se processe dentro da melhor ordem, conforme espectativa do Juiz Eleitoral da 33.a Zona, Dr. Manoel Figueiredo Ferraz Filho, em entrevista ao "Correio Popular", que publicamos nesta edição.
 
ROUBO NO URUGUAI CONSIDERADO COMO O 2º NO MUNDO
As autoridades do Departa mento de Empréstimos Pignoratícios do Banco República, assaltado ontem por guerrilheiros urbanos Tupamaros, ainda não calcularam o montante do roubo, mas as pessoas que tinham seus bens depositados ali já sabem que sofrerão grandes perdas, tanto maiores quando mais valiosas eram sua jóias. Extra-oficialmente se disse que os Tupamaros levaram 1 bilhão e 580 milhões de pesos (Cr$ 28.860.000) em jóias 1,91 milhões de pesos (Cr$ 192.400) em dinheiro, mas a, versões são muito desencontradas, algumas fontes dizem que os Tupamaros levaram 2 bilhões de pesos (Cr$ 38.480.000,0) e outras afirmam que o montante exato era inferior ao anunciado extra-oficialmente.

Escrito por:

Do Correio