Publicado 27/10/2020 - 09h15 - Atualizado 27/10/2020 - 09h15

Por Maria Teresa Costa


O candidato a prefeito Artur Orsi (PSD) é alvo de mais uma representação na Justiça Eleitoral por causa de sua presença, na semana passada, na inauguração de uma linha de luz de pesquisa no laboratório Sirius. Ele fez um vídeo no local com o presidente Jair Bolsonaro em apoio à sua candidatura. Na semana passada, o PTB pediu a cassação do registro dele, e agora foi a vez do PMN. A assessoria diz que não houve inauguração, que ele não participou do evento e que fez as imagens do lado de fora do prédio.
Segue candidato
Mesmo com a candidatura de Hélio de Oliveira Santos a prefeito de Campinas indeferida, o PDT de Campinas se reuniu ontem e decidiu por unanimidade o apoio à chapa majoritária na disputa pela Prefeitura este ano. Hélio e a candidata à vice, Surya Guimaraens, participaram do encontro. O candidato teve o registro indeferido, recorreu, mas os embargos de declaração foram rejeitados no domingo e ele ingressou novamente com recurso.
Três estão fora
Três vereadores de Campinas foram barrados pela Justiça Eleitoral para concorrer à reeleição. Campos Filho (Podemos) e Aurélio Cláudio (PDT) tiveram o pedido de registros das candidaturas indeferidos porque suas contas, na época em que presidiram a Câmara, foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). Já Vinicius Gratti (PP) deixou de apresentaram os documentos exigidos por lei.
Prefeito
A candidatura de Edson Dorta (PCO) era uma interrogação até o início da noite de ontem. Sua candidatura sofreu ação de impugnação pelo Ministério Público (MPE) porque não teria apresentado documento comprobatório das condições de elegibilidade, e nem comprovado quitação eleitoral por irregularidades na prestação de contas.
Último
A assessoria de Dorta avalia que como ele entregou o pedido após o prazo, o registro foi feito de forma individual, e por isso a análise também ocorre individualmente e será o último pedido a ser analisado.
Barrados
A Justiça Eleitoral barrou o registro de dois candidatos a prefeito em Valinhos: do ex-prefeito Clayton Machado (Republicanos) e de Paulo Alcídio Bandida (PTC). Eles estão recorrendo. A cidade tem nove candidatos aptos a concorrer.
Orçamento
A Constituição e Legalidade (Constileg), presidida pelo vereador Luiz Cirilo (PSDB), marcou para 4 de novembro de 2020 audiência pública para debater o projeto do orçamento para 2021, de R$ 6,4 bilhões para Campinas. O valor é 4,7% maior que o previsto para 2020. A audiência será virtual.
Cortes
Dezenove áreas na Prefeitura terão redução de dotações em relação a 2020. A maior perda será em Transporte. Também terão menos recursos do que em 2020, as áreas de serviços, públicos, segurança, infraestrutura, planejamento, desenvolvimento econômico, secretaria do Verde, entre outras.
Teste de apuração
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) realiza, a partir de hoje, simulados com os veículos de mídia e entidades que se inscreveram para acompanhar em tempo real a apuração dos votos nas eleições municipais de 2020. Os testes ocorrem até amanhã. Os eventos consistem em simulações de uma totalização de votos em alguns munícipios. Na ocasião, os representantes dos veículos de comunicação testarão o funcionamento de seus próprios softwares a partir de dados brutos oferecidos pelo TSE.
Maria Teresa Costa, jornalista.

Escrito por:

Maria Teresa Costa