Publicado 15/09/2020 - 07h35 - Atualizado 15/09/2020 - 07h35

Por Henrique Hein/AAN

As melhorias acontecem em trechos importantes da rodovia que impactam a rotina de muitas pessoas

Cedoc/RAC

As melhorias acontecem em trechos importantes da rodovia que impactam a rotina de muitas pessoas

A concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro de rodovias, deu início nesta semana a uma série de intervenções na Rodovia D. Pedro I (SP-065), na região de Campinas, com a realização de obras, bloqueios e alterações de acesso. As melhorias acontecem em trechos importantes e que impactam a rotina de muitas pessoas. A primeira começa nesta terça-feira (15) e afeta diretamente os motoristas que trafegam pela Rodovia Anhanguera (sentido Interior) e almejam acessar a D. Pedro I, sentido Jacareí. Os veículos estão sendo obrigados a utilizar a saída 103A. O acesso fica 300 metros antes da atual entrada (103B). A alteração é necessária para a continuidade das obras de implantação do trecho final das marginais da D. Pedro I, até os Amarais.
A segunda alteração viária acontece na quarta-feira (16), quando o tráfego de veículos será liberado em um novo viaduto do Trevo dos Amarais, na conexão entre os bairros Jardim São Marcos e Santa Mônica. Com isso, o fluxo na D. Pedro I passará a ocorrer de forma independente pelos dois viadutos, um em cada sentido da Avenida Comendador Aladino Selmi. Já no próximo sábado e domingo, será feito um bloqueio para quem trafega na Dom Pedro I (sentido Jacareí) e quer acessar a Avenida Aladino Selmi, sentido Centro, contornando o Aeroporto dos Amarais. O km 143 será fechado para a liberação parcial de um novo trecho da marginal. Por causa disso, os motoristas deverão permanecer na D. Pedro I e fazer o retorno no km 139, na altura do distrito de Barão Geraldo.
Por fim, na próxima segunda-feira (21), a Rota das Bandeiras fechará de forma permanente o acesso da pista expressa para a marginal da D. Pedro I, no km 142. Com a modificação, os motoristas que desejarem acessar a região do Praça Capital deverão ficar atentos, pois será necessário ingressar no novo trecho a partir do km 145, na altura do Frango Assado. O local receberá sinalização especial. A Rota das Bandeiras pede compreensão aos motoristas que forem trafegar por estas vias, sobretudo nos primeiros dias de modificação. A concessionária também ressaltou a necessidade do respeito aos limites de velocidade, já que a região continuará em obras e as liberações neste primeiro momento serão parciais. As obras contam com investimento total de R$ 186,8 milhões, que será totalmente custeado pela própria Rota das Bandeiras.
A conclusão das melhorias está prevista para o fim deste ano e - após a entrega - o trecho urbano da rodovia Dom Pedro I, em Campinas, passará a ter cinco faixas, por sentido, desde o Trevo da Leroy Merlin até o entroncamento com a Rodovia Anhanguera. Os motoristas que desejarem mais informações podem entrar em contato com a Rota das Bandeiras por meio do telefone 0800-770-8070. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas.
A concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro de rodovias, deu início nesta semana a uma série de intervenções na Rodovia D. Pedro I (SP-065), na região de Campinas, com a realização de obras, bloqueios e alterações de acesso. As melhorias acontecem em trechos importantes e que impactam a rotina de muitas pessoas. A primeira alteração começou nesta segunda-¬feira (14) e afeta diretamente os motoristas que trafegam pela Rodovia Anhanguera (sentido Interior) e almejam acessar a D. Pedro I, sentido Jacareí. Os veículos estão sendo obrigados a utilizar a saída 103A. O acesso fica 300 metros antes da atual entrada (103B). A alteração é necessária para a continuidade das obras de implantação do trecho final das marginais da D. Pedro I, até os Amarais.
A segunda alteração viária acontece na quarta-feira (16), quando o tráfego de veículos será liberado em um novo viaduto do Trevo dos Amarais, na conexão entre os bairros Jardim São Marcos e Santa Mônica. Com isso, o fluxo na D. Pedro I passará a ocorrer de forma independente pelos dois viadutos, um em cada sentido da Avenida Comendador Aladino Selmi. Já no próximo sábado e domingo, será feito um bloqueio para quem trafega na Dom Pedro I (sentido Jacareí) e quer acessar a Avenida Aladino Selmi, sentido Centro, contornando o Aeroporto dos Amarais. O km 143 será fechado para a liberação parcial de um novo trecho da marginal. Por causa disso, os motoristas deverão permanecer na Dom Pedro I e fazer o retorno no km 139, na altura do distrito de Barão Geraldo.
Por fim, na próxima segunda-feira (21), a Rota das Bandeiras fechará de forma permanente o acesso da pista expressa para a marginal da Dom Pedro I, no km 142. Com a modificação, os motoristas que desejarem acessar a região do Praça Capital deverão ficar atentos, pois será necessário ingressar no novo trecho a partir do km 145, na altura do Frango Assado. O local receberá sinalização especial. A Rota das Bandeiras pede compreensão aos motoristas que forem trafegar por estas vias, sobretudo nos primeiros dias de modificação. A concessionária também ressaltou a necessidade do respeito aos limites de velocidade, já que a região continuará em obras e as liberações neste primeiro momento serão parciais. As obras contam com investimento total de R$ 186,8 milhões, que será totalmente custeado pela própria Rota das Bandeiras.
A conclusão das melhorias está prevista para o fim deste ano e - após a entrega - o trecho urbano da rodovia Dom Pedro I, em Campinas, passará a ter cinco faixas, por sentido, desde o Trevo da Leroy Merlin até o entroncamento com a Anhanguera. Os motoristas que desejarem mais informações podem entrar em contato com a Rota das Bandeiras por meio do telefone 0800-770-8070. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas.

Escrito por:

Henrique Hein/AAN