Publicado 08/08/2020 - 09h36 - Atualizado // - h

Por AAN

Jonas Donizette anunciou ontem os números da Covid-19 em Campinas e as mudanças da reclassificação

PMC/Divulgação

Jonas Donizette anunciou ontem os números da Covid-19 em Campinas e as mudanças da reclassificação

Campinas registrou ontem 436 novos casos e chegou à marca de 20.602 pessoas contaminadas com o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo prefeito Jonas Donizette (PSB), em entrevista coletiva on-line realizada pela manhã. De acordo com o boletim, foram registrados 19 óbitos nas 24 horas anteriores e, assim, a cidade chegou a 797 mortes desde o início da pandemia. Os técnicos da Saúde ainda investigam outros 810 casos suspeitos de contaminação, além de 26 óbitos.
Campinas contava ontem com 395 pessoas internadas com Covid e 1.018 estavam sendo mantidas em isolamento domiciliar. Segundo o boletim, a cidade soma 18.392 pessoas recuperadas. Das 19 vítimas fatais, três não tinham comorbidades — doenças associadas — e seis tinham menos de 60 anos.
Havia ontem 405 leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19 nas redes pública e particular de Campinas. Desse total, 323 estão ocupados, o que corresponde a 79,75%. Há 82 leitos livres somando as redes pública e particular. O desempenho é um pouco melhor que o de anteontem, que chegou a 80,30%. O SUS Municipal contava ontem com 152 leitos, dos quais 125 estavam ocupados, o que equivale a 82,24%. Havia 27 leitos livres. Três leitos do Hospital Mário Gatti continuaram bloqueados ontem para regulação por conta da necessidade de isolamento de pacientes. Já o SUS Estadual (formado pelo AME e o HC da Unicamp) estava com 86 leitos, dos quais 73 estão ocupados, o que corresponde a 84,88%.

Escrito por:

AAN

nmg