Publicado 14/05/2020 - 06h00 - Atualizado 13/05/2020 - 14h57

Por Do Correio

Coral Alexandre Levy, reg. Philipe Vaver

Reprodução

Coral Alexandre Levy, reg. Philipe Vaver

ENCERRA-SE O 1° FESTIVAL DE CORAIS
A partir das 20,30 horas, no Teatro José de Castro Mendes, cedido pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Educação e Cultura, na pessoa do prof. José Alexandre dos Santos Ribeiro, será encerrado hoje o Primeiro Festival de Corais, que é uma promoção CORREIO ILUSTRADO-FEDERAÇÃO CAMPINEIRA DE CONJ. CORAIS. Ontem apresentaram-se com absoluto sucesso os corais do "Instituto de Educação dr. Alvaro Guião" (S. Carlos), reg. Dilza Kerr Azevedo - "Imaculada da Catedral" (Campinas), reg. Clarisse Romana dos Reis - "Alunos do Conserv. Musical Carlos Gomes" (Campinas), reg. Vilma Brandemburgo - "Centro Acadêmico Adolfo Lutz" (Campinas), reg. dr. Décio Pinto de Moura - "Infantil do Conservatório Musical Carlos Gomes", reg. Vilma Brandemburgo.
 
MÉDICI PODE VIR A CAMPINAS NO DIA 22
O presidente Emilio Garrastazu Médici poderá estar em Campinas no próximo dia 22 para inaugurar as Vilas Presidente Costa e Silva e 31 de Março, recentemente construídas pela Companhia de Habitação Popular. A informação foi prestada ontem à reportagem pelo prefeito Orestes Quércia que diz ter recebido um telefonema do chefe da Casa Civil do Governo Federal, dando conta de que o presidente da República está propenso a participar das solenidades de inauguração das grandes vilas de casas populares campineiras. De acordo com as informações do prefeito, hoje ele deverá manter novo contato com Brasília, no sentido de confirmar a possível visita.
 
EUA REITERAM PROPOSTAS DE PAZ NO ORIENTE MÉDIO
O governo norte-americano utilizou o debate do Conselho de Segurança sobre o ataque israelense ao Líbano para proporcionar importantes precisões à sua politica médio-oriental. As referidas precisões foram formuladas na intervenção de Charles Yost, representante permanente dos Estados Unidos na ONU, e continham uma série de elementos novos que os observadores destacaram. 1. Reiteração com novas precisões da proposta norte-americana de 16 de agosto passado pedindo o estacionamento de observadores da ONU na zona fronteiriça israelo-libanesa. Para esse fim, os Estados Unidos propuseram que se iniciem conversações sob a égide do secretário-geral da ONU entre Israel e o Líbano com vistas a soluções mutuas.

Escrito por:

Do Correio