Publicado 09/04/2020 - 06h00 - Atualizado 08/04/2020 - 15h09

Por Do Correio

Coronel Winstanley em visita

Reprodução

Coronel Winstanley em visita

ADIDO MILITAR INGLÊS VISITA QUARTEL DO GCAN
O coronel Winstanley, no Primeiro Batalhão de Carros de Combate Leves, apreciou os tanques leves da unidade. Esteve ontem em visita a Guarnição Militar de Campinas e ao Instituto Agronomico, o adido militar do Governo da Grã-Bretanha junto ao governo brasileiro, o Coronel Peter Bernard Winstanley, que em companhia da esposa e do Segundo Secretario da Embaixada britânica, Miss Jennifer Blagden, chegou a cidade pouco antes das 12 horas, para a esta altura almoçar com o coronel, Rubens Resstel, comandante da Guarnição e do 5.o Grupamento de Canhões 90.
 
BRASIL DÁ GARANTIA A DIPLOMATAS
0 chanceler Mario Gibson Barboza chamou hoje a Brasilia o embaixador norte-americano, Charles Burk Elbrick - a primeira autoridade diplomática no Brasil a sofrer um sequestro terrorista - para dizer-lhe que foi com "estranheza" que viu a nota emitida pela embaixada dos Estados Unidos manifestando preocupação com a segurança de pessoal diplomático e consular norte-americano em território nacional. 0 embaixador Charles Elbrick, logo após o encontro na manhã de hoje no Palácio Itamaraty, em Brasília, viajou imediatamente para a Guanabara. A embaixada norte-americana se limita a informar que o encontro com o chanceler brasileiro foi "para tratar de assuntos de interesse comum aos dois países". 
 
EXPLOSÃO MATA EM OSAKA 92 OPERÁRIOS
Noventa e dois operários pereceram e outros oitenta ficaram gravemente feridos aqui, hoje, em varias explosões de gás ocorridas, em ramal em construção do metrô local. As explosões em série sacudiram violentamente os arredores do ramal em construção e as bolsas de gás converteram-se em chamas, incendiando trinta casas próximas ao local da catástrofe. Imediatamente depois organizaram-se grupos de socorro. Os feridos foram hospitalizados em um estabelecimento de Osaka.

Escrito por:

Do Correio