Publicado 03/04/2020 - 06h00 - Atualizado 02/04/2020 - 14h34

Por Do Correio

Mato alto: perigo constante

Reprodução

Mato alto: perigo constante

LIXO: JARDIM NOSSA SENHORA AUXILIADORA
O mesmo local já ocupou espaço em diversas edições dos jornais locais, sempre a respeito de um mesmo problema: mato crescido e sujeira num terreno entre as ruas Buarque de Macedo e Dimas Toledo Pisa, no Jardim Nossa Senhora Auxiliadora. Ali, apesar da área pertencer à particulares, a população fêz uma passagem que hoje é usada com naturalidade por tratar-se da única via de acesso mais curta, entre ambas as vias públicas. Tal situação já levou até a um pedido em caráter oficial, para que a passagem seja preparada, para servir aos pedestres em caráter definitivo racionalizando a sua circulação, que de outra forma seria alongada em pelo menos mais 800 metros. Mas o abandono em que o terreno se encontra, está dando margem a que surja um aspecto mais sério para a questão: um anormal faz do mato crescido seu covil, e já por três vezes.
 
FACULDADE DE MEDICINA: MÉDICI RECONHECEU
Em decreto assinado ontem na pasta da Edu-cação e Cultura, o presidente Emílio Garrastazu Médici reconheceu oficialmente o curso médico da Faculdade de Ciências Médicas, da Universidade Estadual de Campinas. Corno havíamos informado, os médicos formados pela Faculdade, já em duas turmas, estavam impedidos de exercer a profissão, pelo Conselho Regional de Medicina, diante da falta de reconhecimento oficial do curso pelo govêrno federal. Portanto, os médicos formados por Campinas podem agora exercer livremente a profissão. O processo de reconhecimento contou com o interêsse e trabalho desenvolvido pelo parlamentar campineiro, Francisco Amaral, que se dirigira várias vêzes ao Ministério da Educação e Cultura para a efetivação da medida.
 
REVELADOS NO CHILE PLANOS GOLPISTAS
Foram revelados hoje, aqui, planos golpistas para instaurar no Chile uma "nova ordem", sob a presidencia do general aposentado Horacio Gamboa. Os conspiradores foram detidos no dia 25 de março e esses documentos, segundo se informa, foram comunicados em sessão secreta ao Senado. Grand e parte deles apareceu publicada com exclusividade pelo semanario "Ercilla". Os observadores afirmam que êles evidenciam claramente a "extravagancia" da aventura planejada por Gamboa e seu grupo "fascista".

Escrito por:

Do Correio