Publicado 26/03/2020 - 08h10 - Atualizado 26/03/2020 - 08h26

Por Maria Teresa Costa

Jonas defende NutrirCampinas para 26 mil famílias

Matheus Pereira/AAN

Jonas defende NutrirCampinas para 26 mil famílias

O cartão NutrirCampinas, no valor de R$ 93,86, que atende atualmente 6 mil famílias, será estendido para 26 mil durante a vigência da situação de calamidade pública e vai permitir também que possa ser utilizado para aquisição de produtos de limpeza e produtos de higiene. A medida, segundo o prefeito Jonas Donizette (PSB), decorre da necessidade de providências que visem evitar a propagação do novo coronavírus. A Câmara votará o projeto em sessão extraordinária online amanhã.
O NutrirCampinas, implementado em 2016 para substituir a cesta básica, permite aos beneficiários comprar alimentos no mercado perto de casa. A medida é importante para desenvolver o comércio local e propiciar melhorias para o bairro.
Segundo Jonas, a alteração vai propiciar que mais beneficiários em situação de grave falta de recursos, especialmente para aqueles que não tenham vínculos formais de trabalho tenham acesso, A inclusão de produtos de higiene e limpeza é essencial, disse, para a diminuição da disseminação do vírus. Para participar do programa, as famílias precisam estar inseridas no Cadastro Único do governo federal. A prioridade é para famílias com crianças de zero a quatro anos, que tenham pessoas com deficiência ou idosos no grupo familiar.

Escrito por:

Maria Teresa Costa