Publicado 07/03/2020 - 06h00 - Atualizado 06/03/2020 - 14h08

Por Do Correio

Crianças brincam no play-ground

Reprodução

Crianças brincam no play-ground

CRIANÇAS JÁ BRINCAM NOS "PLAY-GROUNDS"
Não faz muito tempo e o prefeito Orestes Quércia notando uma falha em nossos logradouros públicos, resolveu tomar uma medida de forma a que essa falha fosse suprimida. Desta forma, determinou à Secretaria de Obras e Serviços Públicos, que providenciasse a instalação, em vários logradouros da cidade ,de "play-grounds" destinados às crianças. Na praça existente defronte ao Hospital da Beneficência Portuguesa, foi instalado o primeiro. Nem bem os funcionários da Municipalidade tinham acabado de colocar os brinquedos no local, e a garotada já estava toda em volta dos trabalhadores, apressando-os na colocação, para poderem brincar logo. Depois de tudo colocado, as crianças começaram a brincar e um novo divertimento surgiu na praça. Os brinquedos ficam ocupados a qualquer hora do dia.
 
MANDADO DE SEGURANÇA ESTÁ NA JUSTIÇA
A Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC), depois de dois meses de trabalhos de pesquisas e análises altamente técnicas, impetrou mandado de segurança, contra a Prefeitura Municipal de Campinas, no que diz respeito ao aumento dos impostos territorial e predial, mais as taxas de serviço. Ontem, todo o processo, bastante volumoso, foi enviado à Justiça, no mesmo instante em que em entrevista coletiva, o presidente Guilherme Campos, da ACIC fala à imprensa das razões da medida. Segundo aquêle dirigente da organização de classe o mandado visa a "evitar uma sobrecarga de impostos".
 
DINHEIRO NÔVO CIRCULA ÊSTE MÊS
Falando aos jornalistas, após a reunião interministerial de hoje, no Palácio das Laranjeiras; o ministro Delfim Netto disse que despachou isoladamente com o presidente Médici, anunciando, para o final do corrente mês a circulação do cruzeiro nôvo. Participaram da reunião os ministros da Fazenda, Relações Exteriores, Indústria e Comércio e os presidentes do IBC e do Banco Central. O encontro, presidido pelo general Médici, durou cerca de duas horas. O presidente da República presidiu, na tarde de hoje, reunião interministerial, com a Participação dos ministros da Fazenda, Relações Exteriores, Indústria e Comércio e os presidentes do IDO e Banco Central. Recebeu, em audiência, os governadores da Guanabara, Estado do Rio e do Espirito Santo.

Escrito por:

Do Correio