Publicado 15/02/2020 - 06h00 - Atualizado 14/02/2020 - 14h25

Por Do Correio

Dona Isabel e suas crianças

Reprodução

Dona Isabel e suas crianças

ESTAS CRIANÇAS VIVEM EM CLIMA DE TERNURA
Quando a gente se refere às crianças abandonadas em terrenos baldios, nos montes de lixo, nas portas das igrejas, ou simplesmente nos jardins das casas - e isto em pleno século XX, em nossa cristianíssima cidade de Campinas - tudo pode parecer exagero de reportagem. Antes fosse exagero. A dura realidade é que o abandono dos bebês, ou de crianças já taludinhas, continua em ritmo crescente. Talvez as causas sejam a miséria e o desemprego, e o despreparo para a vida nos centros industrializados, a fome. Para onde vão êstes pobres bebês? Fomos conhecer Dona Isozel Vilhan, a dedicada avó de numerosas crianças abandonados, das quais algumas são afilhadinhas suas, entregues por pessoas muito pobres e desajustadas, incapazes de criá-los. Outros três foram confiadas à sua guarda por Assistentes Sociais, e outras ainda, foram recolhidos pela boa senhora, e salvos por ela.
 
CARNAVAL DE 1970 FOI FESTA DE TURISMO
O Carnaval de 1970 em Campinas constituiu uma autêntica festa de turismo. A cidade mostrou mais uma vez que tem condições para acolher milhares de visitantes, bastando apenas que se dê a ajuda necessária e se organize essa festa tradicional do povo brasileiro. Este ano os órgãos de turismo da prefeitura, o Conselho Municipal de Turismo e o Departamento de Turismo organizaram uma Comissão Executiva, presidida pelo dinâmico major Rodolpho Pettená, dando integral colaboração e apoio ao nosso Carnaval. Por outro lado, as entidades carnavalescas de rua e associações recreativas executaram com entusiasmo o programa de festejos.
 
ANEL VIÁRIO: PRIMEIRO TRECHO EM SETEMBRO
Paralelamente aos trabalhos que a Secretaria dos Transportes está executando na área de Campinas, com a construção da Rodovia Campinas-Via Dutra, está sendo elaborado o anel viário da cidade, que tem como finalidade principal aliviar o tráfego do centro campineiro, já deficiente devido à falta desse contorno. Desta forma, o Departamento de Estradas de Rodagem — DER está procedendo à implantação e pavimentação da auto-estrada que ficou denominada "Contorno de Campinas". O contorno, ou Anel Viário ligará o km 103 da Via Anhanguera ao km 87.

Escrito por:

Do Correio