Publicado 24/01/2020 - 10h35 - Atualizado 24/01/2020 - 10h35

Por Carlos Rodrigues

Thiago Carpini:

David Oliveira/Guarani FC

Thiago Carpini: "A primeira página foi escrita, mas já é virada"

A surpreendente estreia no Campeonato Paulista do Guarani com goleada fora de casa sobre a Inter de Limeira encheu de satisfação o técnico Thiago Carpini. Apesar de menos de três semanas de pré-temporada e um time titular com seis caras novas, o Bugre apresentou em campo o estilo de jogo defendido pelo treinador e construiu uma vitória incontestável. Mas a empolgação pela largada com vitória ficou em Limeira. Ciente de que o time ainda tem muito a evoluir, o comandante disse que o primeiro jogo já é página virada.
Na visão de Carpini, os três pontos foram importantes para ajudar a consolidar o trabalho realizado durante a etapa de preparação para o torneio. "A gente está caminhando. O jogo que fizemos, o placar construído e a maneira que a gente se comportou nos dão a certeza que esse é o caminho. Temos convicções em cima do que a gente acredita, mas temos muito a corrigir e evoluir", avisa. "A gente esperava um bom jogo, mas não imaginava um placar tão elástico. A primeira página foi escrita, mas já é virada e agora vamos continuar nossa sequência com os pés no chão."
Ainda no vestiário do Limeirão, o treinador bugrino fez questão de frisar ao grupo a necessidade de manter a mentalidade de pés no chão. "Foi a minha preocupação. Não quis jogar um balde de água fria, mas falei que não podemos nos considerar os melhores na vitória, assim como não somos os piores numa derrota. É frase clichê, mas é verdade", destaca. "Então, é pés no chão. Se não continuarmos fazendo nossa parte, vamos começar a ter dificuldades. É um campeonato curto e equilibrado. Vamos trabalhar em cima do Santos e buscar fazer um grande jogo."
Um dos estreantes na quarta-feira, o volante Lucas Abreu reforçou o discurso do comandante. "Foi o primeiro passo, um placar avantajado e uma vitória importante para ganhar confiança, mas isso já passou. A gente sabe que tem que melhorar bastante ainda. O próximo compromisso é o Santos, precisamos manter o foco, com pés no chão e humildade."
Os ingressos para a partida contra o Santos, segunda-feira, às 20h, no Brinco de Ouro, começaram a ser vendidos ontem. Por determinação do Ministério Público, a partida será realizada com torcida única e, portanto, não haverá um espaço destinado aos santistas. Para o setor abaixo do tobogã e a vitalícia, as entradas custam R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia), enquanto no tobogã e na cabeceira, o valor é de R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia). Torcedor do Guarani com a camisa do clube paga meia-entrada em todos os setores.

Escrito por:

Carlos Rodrigues