Publicado 02/12/2019 - 22h11 - Atualizado 02/12/2019 - 22h11

Por AFP


Nomeado técnico do Brescia no dia 5 de novembro, Fabio Grosso foi demitido após apenas três partidas no comando da equipe, anunciou o lanterna da Serie A nesta segunda-feira.

Para substituir Grosso, o clube lombardo chamou Eugenio Corini novamente, o treinador que ele substituiu há menos de um mês.

Grosso, de 41 anos, e campeão mundial em 2006 como jogador da seleção da Itália, não conseguiu acertar o time do Brescia, que sob seu comando perdeu os últimos três jogos, sofrendo 10 gols e marcando apenas um.

Grosso também havia descartado Mario Balotelli antes da partida contra a Roma, reprovando a "falta de intensidade" no treinamento por parte do atacante italiano.

Lanterna da Serie A, o Brescia somou apenas 7 pontos em 13 dias e acumula 10 derrotas consecutivas.

stt/dep/mcd/aam

Escrito por:

AFP