Publicado 02/11/2019 - 06h00 - Atualizado 01/11/2019 - 14h19

Por Do Correio

Fachada do super

Reprodução

Fachada do super "El Dorado"

TEMOS AQUI, O MAIOR SUPERMERCADO DO BRASIL
Campinas está sediando desde sexta-feira o maior supermercado de todo o Brasil. Trata-se do "El Dorado", que o complexo industrial e comercial "J. Alves Veríssimo" lança como sua primeira e grande iniciativa no setor varejista, depois de uma posição de reconhecida liderança no campo atacadista de todo o país. Instalado num prédio de 3400 metros quadrados de área o supermercado é uma síntese de tudo o que de mais moderno e atual existe no ramo, em termos de dependências técnicas de venda e comercialização de nada menos que 14 mil itens de vendas. A lenda milenar do "El Dorado", fala de uma cidade à margem de um lago onde um chefe da civilização maga depositava tudo o que de melhor conquistava. Aí, tesouros de arte, jóias da cultura e da técnica foram sendo acumulados.
 
VILA NOVA: RAMAL FÉRREO EXTINTO É PROBLEMA
Um bairro que relativamente conta com todos os melhoramentos públicos, com ruas asfaltadas, boas casas comerciais, duas grandes indústrias e muitas outras coisas boas, a Vila constituiu-se hoje num dos mais progressistas núcleos residenciais campineiros. Sua população trabalha e estuda, ajudando ao progresso do bairro que a cada dia que passa é crescente, em todos os ângulos. Dotado de vários melhoramentos públicos essenciais, o núcleo pede muito pouco para que a vida seja normalizada. Parece incrível mas trata-se da retirada dos trilhos do antigo ramal funilense, que ainda permanecem no mesmo lugar, embora a linha tenha já sido extinta.
 
DISCURSO DE RICHARD NIXON CAUSA SURPRÊSA
A primeira reação dos meios diplomáticos e jornalísticos latino-americanos após o discurso de ontem do presidente Nixon foi bastante reservada. Nixon falou durante o Grande banquete de encerramento do Congresso Mundial da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), que teve lugar aqui. A reação cortês dada por esses meios as palavras de Nixon está muito longe do ardor que esperavam, ao que parece os promotores do decênio da "Ação Para o Progresso das Américas", objetivo dos Estados Unidos para suas futuras relações com o resto do Hemisfério.

Escrito por:

Do Correio