Publicado 18/10/2019 - 10h30 - Atualizado 18/10/2019 - 10h30

Por Da Agência Anhanguera

Artistas plásticos tomam posse na ACLA

Divulgação

Artistas plásticos tomam posse na ACLA

Dois pintores campineiros tomam posse neste sábado na Academia Campineira de Letras e Artes (ACLA). Roberto Rossant passa a ocupar a cadeira número 40, que tem Lélio Coluccini por patrono e cujo antecessor foi o arquiteto e artista plástico Marco do Valle e antes dele o Alvaro de Bautista. Já Márcio Rodrigues assume a cadeira 33, que tem como patrono a modernista Tarsila do Amaral e cujo antecessor foi o vereador, secretário municipal e presidente da Câmara de Vereadores, Romeu Santini.
Atuando como um dos gestores do Fórum de Sustentabilidade FGBA 2019, Roberto Rossant, além de artista plástico, faz curadoria de exposições, como a realizada em 2012 no saguão do Teatro Castro Mendes, que reuniu obras do campineiro Thomaz Perina e outros pintores consagrados, nascidos ou acolhidos pela cidade. “Sou artista plástico por paixão e opção, realmente não me vejo em outra profissão, amo ensinar a arte do desenho e da pintura a qualquer um que queira descobrir como e fantástico e prazeroso este mundo”, afirma Rossant em sua página do Facebook.
Natural de Campinas, Marcio Rodrigues é autodidata. Praticou desenho e pintura em diversos materiais desde criança. O contato com Aldo Cardarelli, o motivou a aperfeiçoar seu desenho. Participou de exposições individuais e coletivas e ganhou vários prêmios. Atualmente, um recorte de sua produção pode ser vista na mostra Quatro Momentos de Arte, junto com Fulvia Gonçalves, Dimas Garcia e Vanderli Zalochi, em cartaz na Galeria de Arte Francisco Mignone, da Escola Comunitária de Campinas. Sábado, às 16h, na sede da ACLA (Rua Dr. Mascarenhas, 412, Centro). Entrada franca.

Escrito por:

Da Agência Anhanguera