Publicado 12/10/2019 - 06h00 - Atualizado 11/10/2019 - 14h30

Por Do Correio

O Jardim América em Barão Geraldo

Reprodução

O Jardim América em Barão Geraldo

BARÃO GERALDO QUER ÁGUA E LUZ COM URGÊNCIA
Distante há alguns quilômetros de Campinas, o Distrito de Barão Geraldo é, talvez um dos mais antigos da região. Há muitos anos que o pequeno aglomerado de casas surgiu, dando origem ao que hoje é: uma pequena cidade perto de Campinas, que possui comércio próprio, algumas indústrias, também pequenas, agência bancária e muitas outras coisas que uma cidade pode ter. Mas, ao lado de todas essas coisas boas, Barão Geraldo também tem inúmeros problemas. Dois deles são de caráter urgente, e o segundo o sr. Aparecido Paladino, presidente da Sociedade Amigos de Barão Geraldo, e Sudam Legendre, vice-presidente daquela entidade, precisam ser solucionados, pois é uma reivindicação já antiga do núcleo.
 
PREFEITO INAUGURA HOJE O NOVO CEMITÉRIO
Durante solenidade a ser realizada hoje, a partir das 10 horas, o prefeito Orestes Quércia procederá à inauguração oficial da nova necrópole campineira que, por decreto do Executivo, foi denominada Cemitério Parque Nossa Senhora da Conceição. O novo Campo Santo, localizado na estrada dos Amarais, ao lado da Escola de Quimera Conselheiro Antonio Prado, há mais de dois meses vem recebendo sepultamento, mesmo sem que estivesse devidamente concluído. Isto deve-se ao fato do Cemitério da Saudade ter esgotada sua capacidade, e somente atendendo a demanda daqueles que lá já possuem jazigos perpétuos.
 
PAULO VI NÃO ACEITA TENDÊNCIAS DE REFORMA
O Papa Paulo VI condenou hoje as tendencias de tuna reforma do govêrno da Igreja, em um sentido democrático e reafirmou a continuidade de sua forma de governo original. O segundo Sínodo Episcopal extraordinário começou esta manhã na Capela Sistina, com uma missa concelebrada, pelo Papa Paulo VI. Os trabalhos do Sínodo, não obstante, somente começarão verdadeiramente na próxima segunda-feira e durarão duas ou três semanas. Na reunião tratar-se-á sobretudo em definir as vias que permitirão urna maior cooperação entre a sede apostólica e as conferências episcopais.

Escrito por:

Do Correio