Publicado 20/09/2019 - 17h49 - Atualizado 23/09/2019 - 11h51

Por Divulgação

O evento acontece na segunda-feira, 23, a partir das 20h

Divulgação

O evento acontece na segunda-feira, 30, a partir das 20h

Nesta segunda-feira (23) a partir das 20h, o clarinetista da Orquestra Sinfônica Nacional (OSN) do Rio de Janeiro, Anderson Alves, apresenta-se no Empório do Nono, em Barão Geraldo (Campinas), ao lado de Daniel Romanetto (cavaquinho), Chico do Pandeiro (pandeiro), Luizinho Sete Cordas (violão de sete cordas), seus companheiros na formação original do grupo Choro Bandido. Os integrantes se reunirão por ocasião das comemorações pelos 20 anos da casa, onde tocaram por 11 anos.
O show contará, ainda, com participação de Caco Piccoli, vocalista do grupo Bons Tempos, e de 'canjas' de outros músicos, como Toninho do Bandolim (bandolim), Roberto Amaral (pandeiro) e Marcelo Faleiros (violão de sete cordas). No repertório, sucessos de Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Waldir Azevedo, Severino Araújo, Altamiro Carrilho, Cartola entre outros.
Na quinta-feira, 26, será a vez do trompetista Gê Ribeiro, que já acompanhou grandes nomes da música como João Bosco, Michael Bublé, e Ivete Sangalo entre outros, e de Glaucio Sant'Ana, trombonista baixo da Orquestra Sinfônica Heliópolis (Instituto Baccarelli), se apresentarem na casa, como convidados do projeto Samba do Chico. Ao lado dos músicos Pezão (voz e violão), Ding Dong (percussão), Chico do Pandeiro (pandeiro) e André Ribeiro (bandolim), os instrumentistas interpretarão canções de Chico Buarque, João Bosco, Cartola e Paulinho da Viola.
O violonista, compositor e arranjador Alessandro Penezzi e o percussionista Rafael Toledo encerram as comemorações pelo vigésimo aniversário do Empório do Nono, na segunda-feira, 30. Com formação em violão erudito e influências de Paco de Lucia, Raphael Rabello, Tom Jobim, Jacob do Bandolim, Luiz Gonzaga e Waldir Azevedo, Penezzi é considerado um virtuose do violão. Toca também violão tenor, cavaquinho, bandolim e flauta e, em seus shows, transita entre o choro, o frevo, o baião e a valsa, até ritmos latinos, além de peças clássicas do repertório do violão brasileiro. Já Toledo gravou e se apresentou com Roberto Silva, Leny Andrade, Pery Ribeiro, Os Cariocas, Monarco, Nelson Sargento, Rolando Boldrin, Carlinhos Vergueiro, Almir Guineto, Dominguinhos, Zé da Velha, Altamiro Carrilho, Laércio de Freitas entre outros. Apresentou-se em grandes palcos do Brasil e do exterior, como no Johannes-Brahms-Saal, e no Staatliches Museum für Völkerkunde (ambos na Alemanha), e ministrou aulas e oficinas no Brasil e em outros países. Os dois serão recebidos pelo músico André Ribeiro (bandolim), como parte do projeto Segunda de Choro.
As apresentações têm início às 20h e o couvert artístico custa R$ 15,00. O endereço do Empório do Nono é Av. Albino J. B. Oliveira, 1128, em Barão Geraldo.

Escrito por:

Divulgação