Publicado 11/09/2019 - 10h28 - Atualizado // - h

Por Da Agência Anhanguera de Notícias

Alaíde Costa, Eliana Pittman, Márcio Gomes e Claudette Soares estrelam o show-tributo

Divulgação

Alaíde Costa, Eliana Pittman, Márcio Gomes e Claudette Soares estrelam o show-tributo

Baseado no álbum homônimo, lançado ano passado, pela Biscoito Fino, com a participação de cerca de 30 grandes artistas da música brasileira, o espetáculo 100 anos de Dalva de Oliveira, que será apresentado nesta quinta-feira (12) no Teatro Iguatemi Campinas, reúne quatro grandes vozes da música brasileira, de diferentes estilos e gerações, interpretando os clássicos do repertório da eterna estrela Dalva: a versátil e internacional Eliana Pittman, as divas da bossa nova Claudette Soares e Alaíde Costa, e Márcio Gomes, conhecido como o novo “Rei da Voz”.
Com direção musical do pianista Alexandre Vianna, direção e roteiro de Thiago Marques Luiz, também produtor do álbum, e produção executiva da Idearte Produções, de Amaury Junior, o espetáculo 100 anos de Dalva de Oliveira reserva momentos de grande emoção e passeia por todos os estilos que foram imortalizados pela cantora: do samba-canção ao samba-exaltação, passando pelo bolero, pelo tango e até pelas marchinhas de carnaval.
No repertório estão presentes clássicos como Ave Maria do Morro, Bandeira Branca, Máscara Negra, Kalú, Tudo acabado, Neste mesmo lugar, Errei sim, Hino ao Amor, Segredo e tantas outras músicas que estão no inconsciente coletivo do povo brasileiro desde as décadas de 50, 60 e 70.
 
O elenco
Eliana Pittman é uma das mais versáteis intérpretes da música brasileira. Teve em seu pai, o saxofonista Booker Pittman, a grande escola para uma carreira internacional que deu a ela o privilégio de cantar e gravar em pelo menos 30 países.
Seus dois primeiros álbuns, ao lado do pai, gravados no início dos anos 60, são referências modernas da bossa nova, do sambalanço e do jazz. Nos anos 70 revelou para o Brasil o carimbó, ritmo popular do Pará, que nos últimos anos voltou com força. Recentemente teve resgatado para lançamento em vinil e CD o registro inédito de um show com Booker na boate Porão 73, ainda nos anos 60, e prepara para este ano o lançamento de um novo álbum.
Claudete Soares iniciou sua carreira nos anos 50 como “Princesinha do Baião”, apadrinhada pelo Rei do Baião, Luiz Gonzaga, mas foi com a bossa nova que estabeleceu sua carreira, quando no início dos anos 60 por sugestão de Ronaldo Bôscoli deixou o Rio e veio para São Paulo trazer o movimento, ao lado de outros artistas importantes. Sua discografia elogiadíssima e editada em diversos países lançou César Camargo Mariano, Taiguara e tantas outras figuras da MPB. Nos anos 70, fez sucesso cantando músicas que Roberto Carlos fez especialmente para ela, como De Tanto Amor e Você. Seu trabalho solo mais recente é o álbum Canção de Amor sobre o universo do samba-canção e faz parceria com o jovem cantor pernambucano Ayrton Montarroyos no show E Então..., que também será lançado em disco esse ano.
Alaíde Costa é uma das maiores damas da nossa música. Começou cantando o repertório de Angela Maria e Dalva de Oliveira nos anos 50 e com o surgimento da bossa nova, sua voz suave e moderna encontrou no gênero uma de suas principais referências. Gravou discos importantes, inclusive o famoso Clube da Esquina, com Milton Nascimento. Lançou no ano passado um álbum ao vivo com Claudette Soares celebrando os 60 anos da bossa nova. Em 2014, lançou seu primeiro disco autoral, Canções de Alaíde, em que apresenta obras compostas por ela em parceria com variados letristas. Entre os destaques estão Você é Amor, com Tom Jobim, e Amigo Amado, com Vinícius de Moraes.
Márcio Gomes é considerado o novo “Rei da Voz”. Com 15 anos de carreira, o jovem artista gravou cinco CDs e dois DVDs e fez parcerias em palco e disco com artistas como Angela Maria, Cauby Peixoto, Agnaldo Rayol e Agnaldo Timóteo, entre outros. Recentemente lançou CD e DVD com orquestra gravado ao vivo no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, cidade onde nasceu e onde está em cartaz há 5 anos com o show Eternas Canções, no Imperator, uma das mais importantes casas de show.
AGENDE-SE
O quê: 100 anos de Dalva de Oliveira
Quando: Amanhã (12/9), às 21h
Onde: Teatro Iguatemi (3º piso do Shopping Iguatemi -
Av Iguatemi, 777, Vila Brandina, fone: 3294-3166)
Quanto: R$ 120,00 (À venda na bilheteria do teatro, de 2ª a sáb., das 10h às 22h; domingo das 12h às 20h ou pela internet: www.sympla.com.br)</IP>

Escrito por:

Da Agência Anhanguera de Notícias