Publicado 21/08/2019 - 23h38 - Atualizado 21/08/2019 - 23h38

Por Paulo Santana

Rafael Longuine entrou no intervalo e desperdiçou algumas chances

Leandro Ferreira/AAN

Rafael Longuine entrou no intervalo e desperdiçou algumas chances

Jogando em casa com apoio de seu torcedor e embalada por duas vitórias importantes, a Ponte Preta tinha tudo para engatar a terceira e garantir sua permanência no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Mas, como no futebol a expectativa nem sempre se transforma em realidade, a Macaca sofreu no Estádio Moisés Lucarelli e perdeu por 1 a 0, para o CRB, nesta quarta-feira (21) à noite, pela 17ª rodada da competição.
Sob um frio 16 graus e sensação térmica próxima dos 10 graus, a equipe comandada pelo técnico Jorginho sentiu mais o frio do que os visitantes nordestinos, acostumados a temperaturas bem mais amenas. O ex-pontepretano Ferrugem confirmou a “Lei do Ex” e foi o autor do único gol no confronto de ontem.
Com este resultado, a Ponte segue com 26 pontos e caiu para a sétima posição. Já o CRB subiu para o sexto lugar com a mesma pontuação. No sábado, tem mais um jogo em casa, diante do Sport, valendo pela penúltima rodada do primeiro turno da Série B.
Antes do apito inicial, a Ponte aparecia como favorita e tinha boas expectativas. Mas, quando a bola começou a rolar, o CRB teve as melhores oportunidades e levou mais perigo aos donos da casa que não conseguiam chegar ao gol adversário com a mesma eficiência.
Aos 7', Léo Ceará ficou de frente para Ivan e tentou marcar com toque por baixo. O goleiro, recentemente convocado para a Seleção Brasileira, fez bela defesa com o pé direito. Aos 14, porém, não teve jeito. Em jogada semelhante, a defesa vacilou na marcação. Ferrugem recebeu de Alisson Farias, invadiu a área entre os defensores e bateu firme para abrir o placar: 1 a 0. Por respeito à Ponte, o camisa 7 não comemorou.
A Ponte até tentou chegar, mas era pouco eficiente. Aos 24', Marquinhos teve grande chance pelo lado esquerdo, mas Vinicius Silvestre fez grande defesa, evitando o empate. Aos 35', novamente Marquinhos chegou depois de fazer jogada individual pela esquerda, Da linha de fundo, ele bateu cruzado e a bola desviou na zaga. Vinicius defendeu.
A Macaca voltou com Rafael Longuine para a etapa final. O time se encorpou no meio e passou e levar mais perigo. Aos 15', Diego Renan, de longe, mandou uma bomba que Vinicius saltou e evitou o empate.
Aos 21’, depois de bola jogada na área, Roger escorou e Longuine finalizou. O goleiro do CRB salvou de novo. Aos 36’, a Macaca teve a chance mais clara do empate. Depois de falta batida da intermediária, a defesa do CRB bateu cabeça e a bola sobrou para Everton na esquerda. O estreante jogou para dentro da área, mas Airton, de frente para o gol, colocou a bola por cima da trave.

Escrito por:

Paulo Santana