Publicado 10/08/2019 - 14h23 - Atualizado // - h

Por Alenita Ramirez

Com a utilização do cão de faro, durante abordagem e entrevista aos passageiros, foi identificado um fundo falso na sua mala

Divulgação

Com a utilização do cão de faro, durante abordagem e entrevista aos passageiros, foi identificado um fundo falso na sua mala

Dois passageiros que tentavam embarcar no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, com destino ao aeroporto de Orly, na França, foram presos em flagrante na noite dessa sexta-feira (9) com 3,1kg de cocaína, avaliados em cerca de R$ 1 milhão, segundo estimativa da Receita Federal.

Os suspeitos, um homem português e uma brasileira de 23 anos, foram detidos pela equipe de vigilância e repressão da Receita Federal do Brasil, com a ajuda da Polícia Federal. Segundo o órgão federal, o gerenciamento de risco havia identificado os passageiros como de risco para o tráfico internacional de entorpecentes.

Com a utilização do cão de faro, durante abordagem e entrevista ao estrangeiro, foi identificado um fundo falso na sua mala, com uma embalagem plástica contendo 2,1 Kg de cocaína. Já a moça carregava a droga na região abdominal. Ela usava uma cinta abdominal, onde havia quatro embalagens plásticas com cerca de 1Kg da droga.
Os dois passageiros foram presos em flagrante por tráfico internacional de entorpecentes e levado, junto com a droga, à Delegacia da Polícia Federal.

Segundo a Receita. Só nesta semana a equipe aprendeu 8,5 Kg de cocaína em Viracopos e realizou a prisão de oito passageiros. Todos tinham como destino o aeroporto de Orly. Até ontem, foram 26 prisões.

Escrito por:

Alenita Ramirez