Publicado 20/08/2019 - 06h00 - Atualizado 18/08/2019 - 19h10

Por Do Correio

O 'Grupo Gente' visitando o Correio

Reprodução

O 'Grupo Gente' visitando o Correio

CAMPINAS ESTRÉIA NO VII FESTIVAL DO CORREIO
O VII Festival de Teatro Amador "Correio Popular" volta a movimentar os meios artísticos de Campinas com o reinicio da programação. Há em toda cidade uma expectativa mal dissimulada em torno do espetáculo desta noite, pois ele será o de estréia de um grupo campineiro no certame que vem de ter os vencedores do ano passado como iniciadores do grande desfile amadorista de 1969. A apresentação de um grupo local, sempre tem sido cercada de uma série de conjeturas e de grandes esperanças. As conjeturas se fazem apoiar numa série de noticias circulantes nas rodas mais ligadas ao movimento amador. Já as esperanças se concentram no fato de Campinas estar se distanciando no tempo com relação à conquista do primeiro posto do nosso certame.
 
ASSINADO DECRETO SUSTANDO APOSENTADORIA
O Presidente da República assinou Decreto Lei na Pasta do Trabalho e Previdência Social, sustando a vigência do Decreto Lei 710, de 28-7-69, até a data da aprovação dos critérios para o cálculo dos benefícios nele mencionados. O Decreto , Lei 710 alterou a Legislação da Previdência Social, fixando em seu artigo primeiro o valor mensal dos benefícios especiais calculados tomando-se por base o salário do benefício. A sustação da vigência do referido Decreto Lei, segundo a exposição de motivos do Ministro Passarinho, até a publicação do Ato ministerial referente à fixação daqueles critérios, é providência acauteladora, considerada indispensável à melhor compreensão e a exata aplicação de suas normas.
 
"BOINAS VERDES" ACUSADOS DE ASSASSINATO NO VIETNÃ
O ex-chefe dos "boinas verdes" e os sete membros de seu comando detidos aqui pelo assassínio de um vietnamita teriam na realidade liquidado um agente que trabalha para a CIA (Agencia de Inteligencia dos Estados Unidos). Fontes categorizadas deram essa informação depois de sensacionalistas declarações do dr. George Gregory, advogado novaiorquino, defensor de um dos acusados. Gregory não vacilou em acusar a CIA e ao próprio general Abrams, comandante-chefe das forças norte-americanas no Vietnã.

Escrito por:

Do Correio