Publicado 06/08/2019 - 06h00 - Atualizado 05/08/2019 - 11h40

Por Do Correio

Fachada do Banco do Comércio e Indústria

Reprodução

Fachada do Banco do Comércio e Indústria

CAMPINAS HOMENAGEIA ANTIGO BANCÁRIO DO BRASIL
Naquêle dia, 7 de julho de 1909, um rapaz aloirado, magro e tímido, Pedro Estevam de Siqueira, começou a trabalhar na Agência do Largo do Rosário do Banco do Comércio e Indústria de São Paulo, cujo gerente era o sr. Mario Estevam de Siqueira. Desempenhou escrupulosamente suas funções; executou calado e sem alarde o trabalho que era o seu, que seria o seu por longos e longos anos. Aquele foi seu primeiro dia de Banco. O primeiro dos milhares de dias que iriam compor sessenta anos de serviços na mesma Praça, no mesmo Banco. Campinas era então cidade provinciana e pacata, de casario antigo, com muitos sobrados dos últimos titulares do império, ruas estreitas, por onde fluía, escasso, o trânsito; iluminação precária, largos com chafarizes e denso arvoredo, e um sossêgo, uma tranquilidade para sempre perdidos.
 
CHEGOU A HORA DE VACINAR O SEU FILHO
Chegou a hora de levar seu filho para receber uma dose da vacina Sabin. Isto porque, de acordo com a programação elaborada pela Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, inicia-se hoje, prolongando-se até o próximo dia 12, mais uma etapa da campanha de vacinação contra a poliomelite, que será executada pela Delegacia Regional da Saúde. Para tanto, a Delegacia já recebeu da Pasta do Estado, 78 mil doses da Sabin, para serem aplicadas em Campinas e região. A informação foi prestada ontem pelo médico Eurico Wanderley de Carvalho que declarou ainda já estarem os diversos postos de vacinação abastecidos.
 
JORNAL ROMENO ELOGIA A VISITA DE NIXON
A visita do presidente Richard Nixon a Romênia, foi um encontro "útil para o desenvolvimento das relações romeno-norte-americanas'', disse hoje o órgão do Partido Comunista Romeno, "Scinteia". O jornal afirma que esta visita, pela causa da coexistência pacífica, inscreve-se no marco da política externa da Romênia, baseada no apaziguamento e no entendimento com todos os países do mundo, seja qual fôr seu regime político-social e demonstra que tal política é boa. 'Scinteia' reafirma em seguida todos os grandes princípios da política externa romena e declara que o núcleo de tal política o constituem o entendimento e a colaboração com todos os países socialistas.

Escrito por:

Do Correio