Publicado 23/07/2019 - 10h55 - Atualizado 23/07/2019 - 10h55

Por Paulo Santana

Jorginho trata o jogo como decisivo e elogia a força do Bragantino, que conta com o investimento da Red Bull

Cedoc/RAC

Jorginho trata o jogo como decisivo e elogia a força do Bragantino, que conta com o investimento da Red Bull

A Ponte Preta tem a chance de assumir a liderança da Série B do Brasileiro hoje, às 20h30, no Estádio Nabi Abi Chedid, no confronto direto com o Bragantino pela 11ª rodada da competição. Com 20 pontos ganhos na tabela, o Braga está em primeiro, mas vem de dois tropeços e tem desfalques importantes. Já a Macaca, que não perde há nove rodadas e iniciou a rodada em segundo lugar com um ponto a menos, vem embalada.
O técnico Jorginjo fez questão de destacar a importância do torcedor, que promete invadir a vizinha cidade de Campinas com cerca de 3 mil pessoas. “O torcedor da Ponte sempre fez a diferença. Esta força do torcedor é fundamental, seja em casa ou fora dela. Estou certo que teremos presença marcante de pontepretanos no jogo”, disse o comandante. Os ingressos estão à venda no Majestoso por R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia) e o TC10+ tem ônibus grátis.
Com relação ao time, a única dúvida fica entre Alex Maranhão e Mantuam no meio-campo para a vaga de Gerson Magrão, suspenso por três cartões amarelos. O zagueiro Airton, que também está suspenso, será substituído por Reginaldo. O restante do time será o mesmo dos últimos jogos.
“Fizemos alguns treinamentos buscando compor a falta do Gerson Magrão. Gostei bastante dos treinamentos e estamos bem preparados”, disse o treinador, ressaltando ainda que a Macaca terá característica diferente em campo. “Até porque um jogador é diferente do outro, mas não vamos perder na parte ofensiva, nem na defensiva”, completou.
Tratando a partida como “decisão”, Jorginho destacou a força do Braga, que recebeu fortes investimentos da multinacional Red Bull. “É um time de investimento forte, com grande estrutura, boa equipe, bem treinada e é um dos candidatos a subir”, relatou.
Bragantino
O time que até o Paulistão era parceiro da Macaca e mandava seus jogos no Majestoso, hoje terá dois desfalques. O zagueiro Ligger e o volante Barreto vão cumprir suspensão automática.
Antonio Carlos estuda as melhores opções e não revelou quais serão as novidades. Rayan e Rayne são as opções para a zaga. Para o meio-campo, e dúvida fica entre Ricardo Ryller e Pio. “Eles têm um elenco recheado de grandes jogadores, alguns de nível de primeira divisão. É sempre uma preocupação para o adversário. Mas também temos nossas armadilhas”, avalia Jorginho.
Dos novos reforços, só Bill é relacionado para a partida
Dos quatro reforços que chegaram na semana passada, apenas o atacante Bill, emprestado pelo Flamengo, teve tempo para ser regularizado. Ele fica à disposição no banco de reservas hoje e recebeu elogios de Jorginho. “É muito bom jogador, voluntarioso e inteligente taticamente. Tenho certeza que vai ter sucesso”, disse.
“O Jorginho me deixou à vontade e disse que pretende me usar na ponta direita, que é minha posição. O desafio começa agora, em um jogo tão importante. Espero entrar e ajudar a Ponte”, disse o atacante de 20 anos, que tem multa rescisória avaliada em R$ 200 milhões.
O também atacante Tiago Marques, outro que foi contratado na semana passada, teve o nome publicado no BID da CBF, mas Jorginho vai esperar para relacioná-lo devido ao ritmo de jogo. A Macaca ainda anunciou o lateral Guilherme Guedes e o meia Renan Mota. Ambos não tiveram seus registros confirmados na CBF.
Segundo o treinador, outros atletas chegarão nos próximos dias. “A diretoria está entendendo a necessidade para compor o nosso elenco. Ainda esperamos mais um atleta, talvez um lateral-direito ou alguém para fazer os dois lados do campo. Estamos nessa expectativa”, garantiu.
FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO
Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Rayan e Rafael Carioca; Ricardo Ryller, Uillian Correia, Ytalo e Bruno Tubarão; Wesley e Roberson. Técnico: Antônio Carlos Zago.
PONTE PRETA
Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Reginaldo e Henrique Trevisan; Edson, Alex Maranhão (Mantuan), Camilo e Matheus Vargas; Marquinhos e Roger. Técnico: Jorginho.
Local: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Horário: 20h30. Juiz: Adriano Milczvski (PR).

Escrito por:

Paulo Santana