Publicado 05/07/2019 - 06h00 - Atualizado 04/07/2019 - 14h43

Por Do Correio

Ao centro o Dr. Álvaro Bacelo Ragghianti

Reprodução

Ao centro o Dr. Álvaro Bacelo Ragghianti

HOJE EM CAMPINAS MAGNÍFICA FESTA DE ROTARY
A assinalar um expressivo marco na história de Rotary em Campinas, teremos hoje à noite, com inicio às 20 horas, no salão do Clube Semanal de Cultura Artística, uma das mais festivas e concorridas reuniões rotarianas, porquanto empossa-se em suas funções de Governador do Distrito 459 o dr. Alvaro Bacelo Ragghianti, que pertence ao Rotary Club de Campinas desde 1962 e do qual foi seu presidente, além de haver ocupado, também, outras atribuições no Conselho Diretor. Estarão presentes as autoridades locais, civis, militares e eclesiásticas, Governadores de outros Distritos, dirigentes e companheiros de mais 70 clubes rotáricos das 65 cidades de 459, senhoras de rotarianos, elementos dos Rotarys de nossa cidade, esperando-se, assim, a participação de mais de 500 pessoas.
 
GOVERNO DE PASSARINHO ASSEGURA JUSTIÇA SOCIAL
Todas as diretrizes da politica salarial do atual govêrno foram expostas, hoje, pelo ministro Jarbas Passarinho durante conferencia que pronunciou na Escola Superior de Guerra. Frisou o titular da Pasta do Trabalho que as greves diminuíram após o advento da Revolução, acentuando que uma politica mais humana e realista substituiu a era do arrocho pelo afrouxo salarial. As medidas - segundo o ministro - restituiram o poder de compra do assalariado, tendendo agora para o equilibrio. Na, conferência, dividida em quatro itens, o sr. Jarbas Passarinho enumerou todas as soluções encontradas pelo governo no sentido de assegurar uma verdadeira justiça social, frisando que "é chegado o momento das decisões audazes e da atitude firme dos homens sem mêdo".
 
A UNIÃO SOVIÉTICA ADVERTE POLÍTICA DOS EUA
A União Soviética lançou hoje uma advertência indireta contra a politica "cara ao povo dos Estados Unidos". A advertência foi formulada seis dias depois da noticia da próxima viagem do presidente norte-americano, Richard Nixon, à Romênia. Mijail Mijailov, redator-chefe do Mediella, suplemento semanal do órgão do govêrno soviético "Izvestia", escreveu que tal política "só levará os norte-americanos a um fracasso espetacular". Sem mencionar a Romênia, Mijailov ressaltou que a Casa Branca não devia equivocar-se sobre a "verdadeira relação de fôrças no mundo" e a acusou, indiretamente, de não ter se afastado da 'tática de Johnson', consistente em diversões políticas e ideológicas contra os estados socialistas".

Escrito por:

Do Correio