Publicado 25 de Janeiro de 2015 - 5h13

Por Delma Medeiros

Praia de Tourinhos, em São Miguel do Gostoso

Divulgação

Praia de Tourinhos, em São Miguel do Gostoso

O nome não poderia ser mais adequado. São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte, conhecida como a “esquina do continente”, é um paraíso tropical nordestino que encanta pelas lindas praias, natureza exuberante, ventos perfeitos para a prática de esportes à vela, clima quente e sol praticamente o ano todo. A pequena cidade, de cerca de 10 mil habitantes, — dos quais apenas metade morando na área urbana — tem demonstrado sua vocação para o turismo, hoje sua principal fonte de renda, com pousadas aconchegantes e confortáveis e um roteiro gastronômico para todos os gostos. Gostoso, como a cidade é carinhosamente chamada, usa o nome inusitado para atrair os visitantes, tendo como slogan a máxima “Aqui se faz gostoso”.

 

 
Foto: Divulgação

Praia de Tourinhos, em São Miguel do Gostoso

Praia de Tourinhos, em São Miguel do Gostoso

 

Por sua localização, exatamente na ponta Oeste do continente sul-americano, Gostoso é conhecida também como o lugar “onde o vento faz a curva”. Devido à característica de seus ventos intensos, a cidade é um dos três principais locais no mundo para a prática de kitesurfe e windsurfe, reduto que atrai esportistas de todas as partes do planeta, alguns inclusive, fixando residência no município, como é o caso de Paolo Migliorini, campeão italiano de windsurfe. Ele escolheu Gostoso para abrir sua escola e guarderia de pranchas para esportes de vela, a Dr. Wind. Migliorini explica que as condições climáticas de Gostoso são especiais. “Enquanto na grande maioria dos lugares os esportes de vela podem ser praticados quatro ou cinco meses por ano, aqui são nove meses, e com garantia de sol praticamente todos os dias”, comenta. Realmente, as eventuais nuvens que se formam na região são rapidamente desfeitas pela força dos ventos. “Por essas condições, que dão ao atleta a garantia de estar no mar todos os dias, recebemos praticantes do mundo todo. Para quem gosta de velejar e de esportes radicais é um destino certo”, afirma.

Praias

Das praias de Gostoso, a Ponta do Santo Cristo, onde fica a Dr. Wind, é a que apresenta as melhores ondas. Com águas calmas e mornas e uma imensidão de areia branca, a linda praia convida ao mergulho e caminhada. Aliás, todas as praias de Gostoso, Xêpa, Maceió, Cardeiro, Tourinhos e Praia do Marco, se caracterizam por uma grande extensão de areia branca, dunas, falésias e coqueiros. Cada praia tem seu encanto particular, sendo Tourinhos a mais adequada para banhos, e que pode figurar tranquilamente na lista das mais belas do Brasil. Trata-se de uma enseada de águas claras e mornas, praticamente deserta, com uma enorme duna que se petrificou há cerca de dois mil anos e se transformou em um morro com cerca de oito metros de altura e vista deslumbrante.

Os esportes à vela também dão a tônica na Praia Cardeiro, onde está instalada outra escola e guarderia de pranchas, o Clube Kauli Seadi, de propriedade de Kauli Seadi, três vezes campeão mundial de windsurfe, que há dois anos trocou a cidade natal, Florianópolis, por Gostoso. “Os ventos alíseos, constantes e fortes, águas mornas, muito sol, altas temperaturas são diferenciais de Gostoso, que atraem turistas e praticantes de esportes de vela do mundo todo”, diz Kauli.

 

Foto: Divulgação

Kitesurfe em São Miguel do Gostoso

Kitesurfe em São Miguel do Gostoso

A região considera que tem “Inverno”, menos de três meses por ano, entre junho e agosto, sendo que nos dias mais frios a temperatura fica em torno dos 24 graus centígrados. Nos dias quentes, sobe para a faixa de 33, 34 graus, amenizados pelo vento e pela brisa marinha. Segundo Kauli, os esportes à vela podem ser praticados por pessoas de todas as idades. “Ensinamos windsurfe para crianças a partir de 4 anos. Já o kitesurfe é um pouco mais perigoso, por isso aceitamos alunos um pouco mais maduros”, comenta o esportista. Além dos adeptos de esportes à vela, a tranquilidade e o sossego são atrativos também para famílias que querem relaxar longe de baladas e barulheira.

 

São Miguel do Gostoso tem se firmado como um dos principais destinos no Litoral do Rio Grande do Norte, atraindo empreendedores locais e estrangeiros, que vêm transformando a vila em um importante centro turístico, elogiado pela beleza da paisagem e pelo sossego do lugar. A pequena cidade vem se consolidando como um dos mais novos points turísticos do Nordeste e o de grande potencial. “A agricultura e pesca, que eram as principais atividades econômicas, foram cedendo espaço para o turismo. Pela velocidade do vento, muitos estrangeiros passaram a vir para cá e a cidade se tornou um dos principais locais para esportes náuticos. Para atender a esses visitantes, Gostoso tem se estruturado e investido em pousadas e restaurantes”, afirma a prefeita da cidade, Fátima Dantas Neri. Para se ter uma ideia, com cinco mil habitantes na área urbana, Gostoso tem em torno de 70 pousadas, de padrões variados, e pelo menos 40 restaurantes, que abarcam tanto a culinária regional como a cozinha internacional europeia e latino-americana, além de pizzarias, creperias, e petiscos variados a base de frutos do mar.

Mostra de Cinema

São Miguel do Gostoso tem se destacado também na área cultural pela realização da Mostra de Cinema de Gostoso, realizada no mês de novembro, e que leva para a cidade, produtores, cineastas e a imprensa nacional. O diferencial da mostra é a realização das sessões noturnas na praia, o que colabora para democratizar o acesso aos visitantes e à população local.

 

Foto: Divulgação

Mostra de Cinema de Gostoso, que realizou em novembro do ano passado a sua segunda edição, leva o público para assistir à produções em uma sala de exibição na beira da praia

Mostra de Cinema de Gostoso, que realizou em novembro do ano passado a sua segunda edição, leva o público para assistir à produções em uma sala de exibição na beira da praia

 

Um enorme telão é instalado na praia do Maceió, na região central da cidade. Os cinéfilos têm a opção de utilizar cadeiras ou assistir os filmes sentados na areia da praia, com uma latinha de cerveja na mão. A comunidade de Gostoso participa ativamente da mostra, a começar pelos cursos de formação técnica e audiovisual que são realizados ao longo do ano para 50 jovens da cidade e dos distritos e assentamentos nos arredores. A escolha do melhor curta e longa-metragem da mostra competitiva também é feita pela comunidade.

 

Caminho para Gostoso

Para quem parte do Interior Paulista o Aeroporto de Viracopos, em Campinas, tem voos diretos a Natal. Do terminal potiguar Augusto Severo, em Parnamirim, na grande Natal, é preciso tomar um transfer e percorrer 110 quilômetros até São Miguel do Gostoso (aproximadamente 1h30 de viagem). Para sair da capital potiguar, siga as indicações de Litoral Norte pela BR-101. Uns três quilômetros depois da ponte de Natal, virar à direita, na direção de Extremoz/Barra de Maxaranguape. Depois é só observar as indicações para Touros e finalmente São Miguel do Gostoso.

Além de locadoras de automóveis em Natal, o visitante pode encomendar o transfer em receptivos de Gostoso, como o Wind Cab Turismo e Passeios de Gostoso, agências que organizam ainda trilhas de quadriciclo, aluguel de buggy e passeios com guia turístico para as praias vizinhas. Vale lembrar que, exceto as praias da Xêpa e Maceió, — as mais centrais —, as demais são um pouco distantes, apesar que algumas podem ser alcançadas pela praia. “Além dos atletas que praticam kitesurfe e windsurfe, que vêm em busca de sol e vento, a cidade atrai famílias que buscam repouso e contato com a natureza. Recebemos um público diferenciado”, afirma Ismael Dias de Souza, da Wind Cab.

 

Foto: Divulgação

Madame Chita, na Praia do Maceió; creperia também serve espumantes e deliciosas caipifrutas

Madame Chita, na Praia do Maceió; creperia também serve espumantes e deliciosas caipifrutas

Pousadas

Na Av. Enseada das Baleias, na Praia do Maceió, o visitante encontra várias pousadas, bem na frente da praia, de padrão médio, mas bastante confortáveis e a preços honestos. Uma delas é a Pousada Arte do Velejo, elegante e confortável e com um toque de cortesia, oferecendo, além do tradicional café da manhã, chá com bolo e biscoitos variados no fim da tarde. Com Wi-fi em todo o estabelecimento, os apartamentos são equipados com TV de LCD, frigobar, camas queen size, ar-condicionado, chuveiro quente e redes nas varandas com vista para o mar. Informações no site www.artedovelejo.com.br

Já na Rua Enseada das Baleias, também na Praia do Maceió, se encontra a Pousada dos Ponteiros, uma das mais antigas e sofisticadas de Gostoso. Os amplos chalés da pousada são instalados numa área de 10 mil metros em meio a coqueirais e árvores. A pousada oferece três opções de chalé: master, com jardim interno e hidromassagem; luxo, de frente para o mar, em estilo loft e mais adequado a casais sem filhos; e standard, mais reservados, instalados em meio aos coqueirais e perfeito para casais com filhos, com quarto separado da sala. A pousada conta ainda com um deck que oferece ótima visão das praias e do pôr do sol. Informações no site www.pousadadosponteiros.com.br

Foto: Divulgação

Pousada em São Miguel do Gostoso

Pousada em São Miguel do Gostoso

Ao lado do Clube Kauli Seadi tem a pousada homônima, instalada na Praia Cardeiro. A pousada é composta por 13 bangalôs estilo rústico-chique, instalados numa ampla área verde de frente para o mar. Conta com piscina, quadra de tênis e um bar com vista panorâmica, perfeito para quem procura por atividades náuticas ou apenas descanso. Há ainda uma quadra para prática de beat tênis, na areia. Mais informações no site www.clubekauliseadi.com.

 

 

Restaurantes

O Jardim de Jericó: Cabana de praia localizado a beira mar na praia da Xêpa, com vista para a Ponta de Santo Cristo. Oferece cerveja gelada, drinks, petiscos, grelhados, moquecas e os famosos mexicanos com guacamole.

Madame Chita: Creperia charmosa de frente para o mar, na praia do Maceió. Madame reúne em um só espaço crepes, espumantes e as famosas caipifrutas, boa música e uma variedade de cores na lojinha de artesanato.

Nifú-Nifá: Especializada em carnes grelhadas na brasa com cortes nacionais e internacionais, hambúrgueres elaborados artesanalmente, tapas clássicas, peixes, frutos do mar e variedade de paellas e massas. Na Rua da Praia da Xêpa.

Quintal: Pizza artesanal assada em forno à lenha com massa fina e crocante. Sabores regionais, opções vegetarianas e a famosa “desmiolada”, em que o centro da pizza é substituído por uma porção de salada. Rua Praia da Xêpa.

Jack Sparrow's: Restaurante e bar a beira mar na praia Ponta de Santo Cristo. Além da vista privilegiada, tem um cardápio em que se destacam ceviche de peixe, camarão com mel e capim santo, escondidinho de macaxeira com carne de sol gratinado com queijo coalho, caldo de camarão e salada de polvo, entre outros.

 

A jornalista viajou a convite da Mostra de Cinema de Gostoso

Escrito por:

Delma Medeiros