Publicado 10 de Maio de 2021 - 5h30

Um bem intencionado grupo de diretores da Band vem trabalhando no desenvolvimento de um projeto que, guardadas as proporções, tem semelhanças importantes com o do Grupo Globo. A de se tornar uma só Band, também.

A intenção é reunir em uma única marca, todas as empresas existentes, entre jornal e emissoras de rádio e TV, que embora vizinhas do mesmo prédio, raramente chegam a conversar ou manter qualquer tipo de contato umas com as outras.

Está tudo muito no começo, mas o objetivo é dos mais interessantes, ainda mais se considerarmos a maior influência que este conjunto, com a centralização de forças, poderá vir a ter. No passado, quando Diego Guebel passou por lá, houve uma tentativa parecida, que não foi levada à frente porque esbarrou em algumas dificuldades e outros interesses. Agora, diante do atual cenário e de tão poucas alternativas possíveis, esta poderá vir a ser a única saída viável. A Band, convém sempre salientar, é o segundo maior grupo de comunicação do país.