Publicado 14 de Maio de 2021 - 13h47

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

O governo japonês e o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Toquio-2020, adiados em um ano por causa da pandemia do novo coronavírus, têm mais um problema para lidar no país. Nesta quinta-feira, o Sindicato Nacional de Médicos do Japão apresentou uma petição para que o evento esportivo, marcado para começar oficialmente em 23 de julho, seja cancelado. De acordo com o texto divulgado pelo sindicato, a Olimpíada, que terá a participação de 11 mil atletas de todo o planeta.

Quarta onda

O documento apresentado para o Ministério da Saúde deixa claro que, mesmo se a competição for realizada sem público, a chegada de todos os envolvidos com os Jogos Olímpicos, desde atletas e árbitros até jornalistas, pode ser propícia para que novas cepas apareçam no Japão. Os especialistas japoneses estão chamando o atual momento da pandemia no país de quarta onda. O número de novos casos está acima de 5 mil por dia.

 

"Acho que o Campeonato Paulista é um parâmetro muito bom para aquilo que a gente vai enfrentar na Série B” (Allan Aal, treinador do Guarani)

Treinador do Guarani

Radar do Verdão

A diretoria do Palmeiras não está dando sorte em seus planos de contratar um atacante estrangeiro para "fazer sombra" a Luiz Adriano. Depois de desistir do colombiano Borré, do River Plate, o clube depositava todas as fichas em acerto com Castellanos, do New York City, dos Estados Unidos.

 

Não vem

O NYC, contudo, anunciou a renovação do argentino até 2025 nesta quinta-feira, frustrando os planos de Abel Ferreira, embora o atacante tivesse acertado verbalmente com o Palmeiras.

Em alta

Fernando Diniz está entusiasmado com Ângelo Gabriel, atacante de 16 anos e titular na estreia do técnico com vitória do Santos por 1 a 0 sobre o Boca Juniors (ARG), na Vila Belmiro, pela Libertadores.

Característica

O jovem atacante não foi brilhante, mas substituiu Marinho com personalidade e não se intimidou com a forte marcação do Boca. Ângelo deverá ter nova oportunidade diante do The Strongest.

Recuperação

Daniel Alves, que sofreu um pequeno estiramento na região posterior da coxa direita, já correu no gramado supervisionado por fisioterapeutas do clube. A lesão do atleta não é grave, e a previsão é de que ele esteja ao menos disponível para as finais do Paulistão, caso o São Paulo avance até lá.

 

Goleiro

A Ponte Preta renovou o contrato com o goleiro Luan Ribeiro, de 23 anos, até 2022. O jogador é reserva ao lado de Guilherme neste período em que Ygor Vinhas está como titular.

De volta

O goleiro Ivan, titular da Macaca no ano passado, foi inscrito na lista da FPF e pode retornar em breve.

De olho

O clube busca também a contratação de pelo menos mais dois zagueiros, já que Luizão não deve renovar o contrato. Hoje a Macaca conta com três jogadores nesse setor: Rayan, Ruan Renato e Luizão.

Dose de esperança

Rafael Carvalho, atleta do futsal para pessoas com Síndome de Down da Ponte Preta, recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira (13). Ele tem 25 anos e recebeu o imunizante da AstraZeneca.

 

Pressão

A eliminação nas quartas de final do Campeonato Paulista faz crescer a pressão em cima do trabalho de Allan Aal no Guarani. Escolhas nas substituições, falta de ambição ofensiva e ausência de variação tática são três dos principais motivos citados pela torcida.

Opinião positiva

Ciente da insatisfação dos bugrinos, o técnico bateu na tecla que o trabalho executado em Campinas é positivo. Aal resumiu o desempenho à frente do Alviverde com as seguintes palavras: "bem feito e consistente".

Superação

O Red Bull Bragantino espera não repetir em 2021 o filme do ano passado, quando fez a melhor campanha na primeira fase e caiu logo nas quartas de final do Paulistão. Para isso, precisa passar pelo Palmeiras em casa. Na temporada passada, sobrou na fase classificatória, mas perdeu para o Corinthians, por 2 a 0, em Bragança Paulista, nas quartas de final. Restou ao time se contentar com o título do Troféu do Interior. O Bragantino vai a campo, nesta sexta-feira, com força máxima.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular