Publicado 08 de Maio de 2021 - 10h36

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

Classificado para a fase das quartas de final do Campeonato Paulista, o Guarani joga despreocupado contra a Internacional de Limeira, neste domingo. Alan Aal terá a oportunidade de testar alguns jogadores visando aos próximos compromissos. É a primeira vez que o Bugre avança à segunda fase da competição desde 2012, quando foi finalista e acabou derrotado pelo Santos. Após cumprir tabela contra a Inter, o Bugre vai enfrentar o Mirassol na primeira partida das quartas de final.

 

Fator casa

O Bugre pode decidir a classificação para a fase semifinal jogando no Brinco de Ouro. Para isso precisa tirar uma diferença de quatro gols de saldo com o Mirassol. Isto é: vencer a Inter e torcer por um tropeço do Mirassol, que enfrenta o São Paulo neste domingo. Se isso ocorrer, o Guarani decide vaga em casa, fato que pode ser considerado positivo teoricamente. Além disso, o fator casa pode ser um alento para o time que ficou sem disputar a Série A1 por cinco anos.

"Nem sempre quem ganha leva"

(Cid Ferreira, presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas Metalúrgicos) .

 

Vencer ou não vencer

Uma derrota do Corinthians no próximo domingo, para o Novorizontino, eliminaria qualquer possibilidade do Palmeiras avançar às quartas de final do Campeonato Paulista.

Vencer ou não vencer 2

Vagner Mancini, contudo, fez questão de descartar a chance de sua equipe não buscar a vitória na Neo Química Arena, na última rodada da primeira fase do Estadual. O Palmeiras é o terceiro colocado do Grupo C, com 18 pontos, enquanto o Tigre é o vice-líder, com 19 pontos.

Unidos

A Uefa anunciou nesta sexta-feira (7) que nove dos 12 clubes que haviam anunciado a participação na ex-nova "Superliga" foram reintegrados "no espírito de reconciliação e para o bem do futebol europeu".

Unidos 2

Segundo a nota oficial, Arsenal, Atlético de Madrid, Chelsea, Internazionale, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Milan e Tottenham reconheceram que a ideia de criação de uma nova liga "foi um erro" e pedem "desculpas aos torcedores, associações nacionais, ligas, clubes europeus e Uefa".

De fora

A eliminação da Ponte Preta no Paulistão não deixa de ser melancólica, já que a diretoria prometeu um time forte no estadual e que pudesse ao menos chegar no mata-mata para encarar o São Paulo, que era o cabeça de chave do seu grupo.

Calendário

O São Paulo disputará oito jogos em 17 dias caso chegue à final do Paulistão. Depois de empatar em 0 a 0 contra o Racing, da Argentina, na última quarta-feira (5), pela Libertadores, o Tricolor terá pela frente uma sequência intensa de muitos jogos em pouco tempo.

Prejudicial

Caso chegue até a final do Paulistão, o time disputará oito partidas em 17 dias, uma média de um jogo a cada 2,1 dias.

Camarote

Fernando Diniz está acertado com o Santos, mas não deve dirigir o time contra o São Bento, jogo que definirá a permanência do clube na elite do Campeonato Paulista.

Na torcida

O Peixe deve ser comandado por Marcelo Fernandes na "decisão" contra o São Bento, na luta contra o rebaixamento.

Menos dinheiro

Os 16 times do Campeonato Paulista chegaram a um acordo com a FPF nesta sexta-feira para dividir de forma igualitária parte da premiação total, com o objetivo de cobrir os custos com os protocolos da covid-19 durante a competição. Na prática, os valores serão reduzidos em 30%. O campeão, por exemplo, levaria R$ 5 milhões, mas agora vai embolsar R$ 3,5 milhões.

Tóquio 2020

Faltam 78 dias para a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, adiados em um ano por causa da pandemia do novo coronavírus, mas o Japão segue convivendo com os riscos da contaminação pela covid-19, que tem aumentado no país nas últimas semanas. Tanto é que, nesta sexta-feira, o primeiro ministro Yoshihide Suga anunciou que o estado de emergência, previsto para acabar na próxima terça, foi estendido até o final deste mês. Além da capital Tóquio, ele se estende nas regiões de Osaka, Kioto e Hyogo.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular