Publicado 06 de Maio de 2021 - 14h39

Por Edson Sillva/Correio Popular

Uma mãe, de 24 anos, foi presa ontem por suspeita de maus-tratos, após ser denunciada por vizinhos à polícia, acusada de agredir e abandonar a filha de três anos, em Campinas. A criança está internada e apresenta ferimentos graves na cabeça, principalmente na região dos olhos, segundo a equipe de PMs que atendeu à chamada.

Os policiais militares do 35º Batalhão contaram que encontraram a criança sozinha na residência e chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para socorrer a menina, que foi levada ao Pronto-Socorro do Jardim São José, onde permanecia internada.

A mulher suspeita da agressão foi presa ao retornar à casa, que fica na região próxima aos estádios de dos clubes profissionais de futebol da cidade. A Polícia Civil acionou peritos para que fossem vistoriar o imóvel onde ocorreram as agressões.

Imagens feitas pela PM indicaram manchas de sangue em vários cômodos da casa, além da presença de objetos quebrados, tais como um cabo de vassoura e o cabo de uma escova de cabelo. Aos policiais, a acusada negou ter agredido a filha e não deu qualquer explicação para os fatos.

A suspeita foi encaminhada para a Central de Flagrantes da 1ª Delegacia Seccional, onde, até o fechamento desta edição, aguardava para prestar depoimento e explicar o que houve com a filha. O caso deve ser ratificado como maus-tratos e abandono de incapaz.

Escrito por:

Edson Sillva/Correio Popular