Publicado 16 de Maio de 2021 - 13h43

Por Estadão Conteúdo

O senador Tasso Jereissati (CE) lamentou neste domingo a morte precoce do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), que morreu aos 41 anos, após uma longa batalha contra um câncer.

"Perdemos um grande gestor e homem público que honrou a tradição política do seu avô, o inesquecível Mário Covas. Amigo e referência pessoal para mim e para toda uma geração de políticos, Mário tinha em Bruno um herdeiro que, com certeza, o encheria de orgulho", afirmou, em sua conta do Twitter.

Jereissati é um dos cotados a concorrer à presidência da República pelo partido em 2022. "Que Deus o receba em sua infinita paz e conforte a família e amigos", completou.

Escrito por:

Estadão Conteúdo