Publicado 16 de Maio de 2021 - 7h58

Por Estadão Conteúdo

A Petrobras concluiu operações de desinvestimento, de janeiro a maio, que somadas vão gerar US$ 2,5 bilhões ao caixa da empresa. No mesmo período, entraram US$ 500 milhões com a venda de ativos, segundo o diretor Financeiro, Rodrigo Alves.

Em coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 14, ele reafirmou a intenção da estatal de dar continuidade ao programa de venda de ativos, inclusive de oito refinarias. Até agora, foi concluída a negociação da Rlam, instalada na Bahia. Além dela, estão em estágio avançado de venda a Refap (RS), Lubnor (CE) e SIX (PR).

Escrito por:

Estadão Conteúdo