Publicado 22 de Abril de 2021 - 18h12

Por Estadão Conteúdo

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) abriu nesta quinta-feira, 22, uma consulta pública de minutas que regulamentam o chamado open insurance, o compartilhamento de dados pelos clientes do setor entre as seguradoras. A partir dessa abertura, diferentes instituições poderão oferecer opções de produtos aos segurados. O resultado esperado é uma combinação de aumento da concorrência e redução do preço na ponta final.

Os dados também poderão ser utilizados para desenvolver produtos e serviços inovadores que atendam às necessidades atuais e futuras dos consumidores de seguros, previdência e capitalização.

"O ambiente do open insurance tem potencial para melhorar a forma como clientes, em especial pessoas naturais e pequenas e médias empresas, gerem as suas finanças, como as empresas interagem entre si e com os seus clientes, além de promover a inclusão financeira, a democratização do acesso a produtos de seguros e previdência e de transformar a concorrência no mercado", disse em nota a superintendente da Susep, Solange Vieira.

A medida no setor de seguros segue o que já está em curso no setor financeiro, onde o Banco Central implementa o open banking. Segundo a Susep, estão previstos requisitos para que haja convergência e interoperabilidade entre open insurance e open banking.

A consulta pública ficará aberta para envio de sugestões até o dia 25 de maio.

Escrito por:

Estadão Conteúdo