Publicado 12 de Abril de 2021 - 15h10

Por AFP

A ONU pediu nesta segunda-feira (12) a todos os protagonistas do conflito no Iêmen para "aproveitarem a oportunidade" de uma resolução diplomática, devido à reunião das grandes potências em uma sessão de negociações em Berlim.

"É o momento de ter uma liderança responsável e peço a todas as partes em conflito para aproveitarem a oportunidade que se apresenta agora e negociarem de boa fé, sem condições prévias, para resolver este conflito", afirmou Martin Griffiths, enviado da ONU para o Iêmen, em uma coletiva de imprensa em Berlim.

Griffiths, que visita a capital alemã, foi recebido pelo ministro alemão das Relações Exteriores, Heiko Maas.

Maas promoveu uma reunião aconteceu à tarde entre altos funcionários de vários países chaves, cujo objetivo é dar apoio aos esforços da ONU para resolver este conflito que existe no Iêmen desde 2015.

Esta reunião em vídeoconferência reúne representantes do grupo chamado "P5+4" criado em 2019 para o Iêmen.

É composto pelas cinco potências que têm direito de veto no Conselho de Segurança da ONU (China, Estados Unidos, França, Reino Unido, Rússia) e pela Alemanha, Suécia, Kuwait e pela União Europeia.

O Iêmen está em guerra há seis anos entre as forças do presidente Abd Rabbo Mansur Hadi, apoiadas pela Arábia Saudita e outros estados árabes, e os rebeldes huthis apoiados pelo Irã.

O conflito causou dezenas de milhares de mortes segundo as ONGs, deixando milhões imersos na fome.

dac/ylf/lpt/eg/mb/aa

Escrito por:

AFP