Publicado 01 de Março de 2021 - 14h40

Por AFP

O tenista Novak Djokovic, número 1 do mundo pela 310ª semana de sua carreira, igualou o recorde de Roger Federer, após a lista publicada nesta segunda-feira pela ATP.

Campeão pela 9ª vez do Aberto da Austrália há uma semana, Djokovic tem 12.030 pontos, e na próxima semana se tornará o "homem recorde", já que não pode ser alcançado por seus principais perseguidores, o espanhol Rafael Nadal (2º, com 9.850 pontos) e o russo Daniil Medvedev (3º, com 9.735).

O sérvio recuperou a liderança do ranking de Nadal em fevereiro de 2020 e terminou como número 1 no final do ano pela sexta vez, igualando a marca do americano Pete Sampras.

Esta é a quinta passagem diferente de Djokovic pelo topo do ranking. Ele foi durante 122 semanas consecutivas o número 1, entre julho de 2014 e novembro de 2016. Esse recorde pertence atualmente a Federer (237).

A única mudança no top 20 nesta segunda-feira foi do belga David Goffin, que conquistou seu primeiro título em três anos em Montpellier no domingo, e subiu uma posição para 14º, no lugar de Milos Raonic.

O primeiro sul-americano da lista ainda é o argentino Diego Schwartzman, que continua em nono.

O brasileiro Thiago Monteiro ocupa a 74ª posição do ranking, com 954 pontos.

- Rabking da ATP desta segunda-feira, 1º de março:

1. Novak Djokovic (SRB) 12.030 pontos

2. Rafael Nadal (ESP) 9.850

3. Daniil Medvedev (RUS) 9.735

4. Dominic Thiem (AUT) 9.125

5. Roger Federer (SUI) 6.630

Escrito por:

AFP