Publicado 25 de Fevereiro de 2021 - 22h40

Por AFP

O amplo pacote de estímulo econômico promovido pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, não incluirá um aumento do salário mínimo, decidiu nesta quinta-feira (25) o responsável por proteger as regras do Senado, condenando efetivamente esta cláusula ao desaparecimento.

"Estamos profundamente decepcionados com esta decisão", reagiu o líder da maioria no Senado, Chuck Schumer, em um comunicado, prometendo não "desistir da luta para aumentar o salário mínimo para 15 dólares" a hora.

Os democratas poderão tentar aprovar o aumento do salário mínimo em uma lei separada do pacote de estímulo econômico.

elc/dga/dg/mvv/am

Escrito por:

AFP