Publicado 24 de Fevereiro de 2021 - 7h20

Por AFP

No vilarejo de Liu Qingyou, na província de Hunan, passa uma "estrada de redução da pobreza". O agricultor mostra o cartão, no qual o Estado detalha como retirou da miséria sua família e outros 100 milhões de chineses.

No documento, figuram as causas de suas dificuldades - "doença" e "escolaridade" - e uma lista que enumera como o Estado os ajudou, que vai dos subsídios para a compra de cereais até o melhor rendimento da produção de laranjas.

Sua família entrou oficialmente na categoria "pobre" em 2014, quando o presidente Xi Jinping estabeleceu uma estratégia de ajuda seletiva contra a pobreza e enviou funcionários de porta em porta para avaliar as residências mais desfavorecidas.

Nos anos seguintes, Liu recebeu um novo estímulo: uma nova estrada que atravessa as colinas de Hunan e permite que ele transporte os produtos ao mercado na metade do tempo e facilita o acesso a cidades próximas.

Mas não foi nada fácil.

Liu afirma que suas colheitas não melhoraram apesar dos esforços das autoridades locais para ajudá-lo a diversificar os cultivos.

E ele passa frio em sua casa de madeira no inverno, quando a temperatura se aproxima de zero grau.

Liu e sua família de cinco membros ainda vivem de maneira modesta. Ele se preocupa com o futuro, apesar de agora serem considerados fora da linha da pobreza.

"Podemos sobreviver", afirma. "Mas nossa casa é ruim".

Ele gostaria de obter o que outros receberam do Estado: um reassentamento, ou fundos suficientes para construir uma casa de tijolos.

Ele não sabe a razão de não ter sido qualificado. "Por que não podemos ter o mesmo?", questiona.

As décadas de guerra contra a miséria na China apresentaram resultados significativos.

"Durante os últimos 40 anos, o crescimento econômico da China permitiu que mais de 800 milhões de chineses saíssem da pobreza extrema (...) É uma conquista extraordinária", afirma o diretor do Banco Mundial para a China, Martin Raiser.

Em 2015, Xi Jinping prometeu erradicar a pobreza extrema até 2020, um objetivo para ajudar a alcançar a principal meta do Partido Comunista: construir uma "sociedade moderadamente próspera".

Xi declarou que o objetivo foi alcançado no ano passado e o chamou de "grande vitória".

Escrito por:

AFP