Publicado 19 de Fevereiro de 2021 - 20h10

Por AFP

A justiça libanesa nomeou um novo juiz nesta sexta-feira (19) para investigar a explosão devastadora que ocorreu no porto de Beirute mais de seis meses atrás, informou uma fonte judicial.

"O Conselho Superior da Magistratura aceitou a proposta da demissionária Ministra da Justiça, Mary-Claude Najm, de nomear o juiz Tareq Bitar para liderar a investigação do caso da explosão no porto", disse a fonte.

"O conselho convocou e informou ao juiz Bitar sobre a decisão de nomeá-lo e ele aceitou", acrescentou.

Bitar se torna o segundo magistrado a assumir a investigação da tragédia de 4 de agosto, na qual mais de 200 pessoas morreram e 6.500 ficaram feridas e que destruiu partes da capital libanesa.

Na quinta-feira, o tribunal de cassação afastou o juiz Fadi Sawan da investigação.

A explosão foi causada por uma enorme quantidade de nitrato de amônio armazenada "sem medidas de precaução" durante anos em um armazém do porto, admitiram as próprias autoridades, responsabilizadas em grande parte pela tragédia por sua negligência.

Até agora, a investigação preliminar levou à prisão de 25 pessoas, incluindo funcionários do porto e da alfândega.

str-ah/vg/tp/pc/dg/jc/mvv

Escrito por:

AFP