Publicado 19 de Fevereiro de 2021 - 15h50

Por AFP

O frio polar e as tempestades de neve que atingem os Estados Unidos há vários dias continuam nesta sexta-feira (19), embora devam diminuir até o fim de semana, especialmente no sul do país, segundo serviços meteorológicos.

"A semana excepcionalmente fria nas planícies do sul terminará neste fim de semana com a entrada de uma depressão com ar mais quente", informou o Serviço Meteorológico Nacional (NWS) nesta sexta-feira.

No entanto, a onda de frio persistiu, de Dallas a Nova York, com previsão de nevascas para a costa leste, principalmente na região de New England (nordeste), e fortes chuvas na Carolina do Norte e Carolina do Sul.

Acostumados a ondas de calor, não ondas de frio, estados do sul como Texas, Arkansas, Louisiana e Mississippi ainda registram temperaturas congelantes, embora os termômetros devam subir no sábado nas cidades texanas de Houston e Austin, chegando a cerca de 10º Celsius.

Quase 200.000 casas ainda estavam sem energia no Texas, e mais de 180.000 no Mississippi e Louisiana, de acordo com o site Poweroutage.us.

Os moradores do Texas sofrem com a falta de água ou baixa pressão de canos quebrados por causa do congelamento, então as autoridades recomendam ferver a água antes de consumi-la ou usá-la para cozinhar.

O presidente Joe Biden conversou na noite de quinta-feira com o governador do Texas, Greg Abbott, e garantiu que as autoridades federais e locais continuarão a "trabalhar em conjunto" para ajudar as pessoas.

Várias pessoas morreram de frio ou acidentes de trânsito por causa do gelo nas estradas do Texas. Nacionalmente os mortos são cerca de 30, de acordo com a imprensa americana.

dax/rle/yow/rsr/bn

Escrito por:

AFP