Publicado 19 de Fevereiro de 2021 - 0h30

Por AFP

O exército dos Estados Unidos procura bases de apoio na Arábia Saudita para evitar que suas tropas posicionadas no país se tornem alvos fáceis em caso de tensões com o Irã, revelou um alto oficial militar americano nesta quinta-feira (18).

"Não estamos procurando novas bases. Quero deixar isso claro", disse o general Kenneth McKenzie, chefe do Comando Central do Exército dos Estados Unidos (Centcom), durante uma viagem pelo Oriente Médio.

"Queremos poder mudar para outras bases em períodos de alto risco",explicou aos jornalistas que o acompanham na viagem. "Essas são coisas que qualquer planejador militar prudente faria para aumentar a flexibilidade e dificultar o ataque do adversário."

O general McKenzie visitou a Arábia Saudita no mês passado para discutir com as autoridades sauditas a possibilidade de usar certas bases militares sauditas no oeste do país para servir de refúgio às forças americanas em caso de tensões com Teerã.

O Wall Street Journal noticiou projetos de portos e bases aéreas no deserto ocidental da Arábia Saudita, que os militares americanos procuram desenvolver como posições a serem usadas em caso de uma possível guerra com o Irã.

No final do ano passado, os militares americanos posicionaram o porta-aviões USS Nimitz na região e sobrevoaram a área com dois bombardeiros B-52.

Essa demonstração de força tinha por objetivo deter o Irã de um eventual ataque às forças americanas por ocasião do primeiro aniversário do assassinato pelos Estados Unidos do poderoso general iraniano Qasem Soleimani.

sl/vgr/af/yo/am

Escrito por:

AFP