Publicado 18 de Fevereiro de 2021 - 20h40

Por AFP

Com um gol da estrela Marta, a Seleção Brasileira de futebol feminino derrotou a Argentina por 3 a 1 na partida de abertura do minitorneio SheBelieves Cup, na cidade americana de Orlando, na Flórida, nesta quinta-feira.

A atacante Marta, seis vezes eleita a melhor jogadora do ano pela Fifa, abriu convertendo um pênalti aos 30 minutos. Suas companheiras Debinha (47), Adriana (54) e Geyse (83) ampliaram o placar enquanto Mariana Larroquette (60) diminuiu para a equipe "albiceleste".

Depois desse confronto, as outras duas equipes que disputam o torneio se enfrentam, os anfitriões Estados Unidos e Canadá.

A Argentina, convidada para o evento após a desistência da seleção japonesa, estreou nesta competição anual com desfalques de quatro jogadoras no último minuto devido aos protocolos de prevenção do coronavírus.

No início do confronto no Explora Stadium, ao qual um número limitado de espectadores teve acesso, o Brasil assumiu o controle do jogo, mas permitiu várias chegadas das argentinas no contra-ataque, como em um chute de fora da área de Yamila Rodríguez que a goleira Aline Reis defendeu sem dificuldades.

Após uma falta na área de Aldana Cometti sobre Adriana, Marta converteu o pênalti que abriu o placar com um chute cruzado em que a goleira Solana Pereyra chegou tocar na bola.

A atacante de 34 anos pôde comemorar o gol no estádio de seu time, o Orlando Pride, com o qual renovou por mais uma temporada nesta semana.

A parceira de ataque Debinha, que mostrou qualidade com grandes lampejos, aumentou a vantagem para o Brasil aos dois minutos do segundo tempo ao receber um passe de Bia Zaneratto e vencer a goleira no mano a mano em grande estilo.

Em outro erro da zaga argentina, Adriana apareceu na área e chutou para fazer 3 a 0.

Larroquette, com uma cabeçada dentro da área, diminuiu para 3 a 1, mas Geyse completou a vitória brasileira com um forte chute do bico esquerdo da área.

A SheBelieves Cup 2021 é realizada em três dias (18, 21 e 24 de fevereiro) em que cada seleção enfrentará seus adversários e a que fizer mais pontos ganhará o troféu.

gbv/cl/aam

Escrito por:

AFP