Publicado 16 de Fevereiro de 2021 - 17h50

Por AFP

O ex-presidente equatoriano Gustavo Noboa, que implementou a dolarização na economia de seu país no ano 2000, morreu aos 83 anos, anunciou o presidente Lenín Moreno.

"O Equador está de luto. A partir de amanhã, decretarei luto nacional em memória de Gustavo Noboa, ex-presidente da República", publicou Moreno no Twitter.

Noboa (2000-2003, centro) assumiu o mandato por sucessão constitucional, porque era vice-presidente quando, em janeiro de 2000, o então chefe de Estado Jamil Mahuad (1998-2000, centro) foi derrubado por uma rebelião de indígenas e militares.

dsl/rsr/aa

Escrito por:

AFP