Publicado 16 de Fevereiro de 2021 - 14h50

Por AFP

O imposto sobre as transações de ações forneceu ao Estado francês mais de 1,7 bilhão de euros no ano passado, uma quantidade "recorde" desde sua criação em 2012, anunciou o ministro de Contas Públicas, Olivier Dussopt, nesta terça-feira (16).

"Em 2020, este imposto (...) bateu recordes de receita para o Estado francês, já que nos permitiu arrecadar 1,78 bilhão de euros, o que representa um aumento de 340 milhões em relação ao ano anterior", disse o ministro na Assembleia Nacional durante uma sessão de perguntas ao governo.

Este imposto consiste em uma taxa de 0,3% sobre as operações de venda de ações (0,2% entre 2012 e 2017) e se aplica a todas as empresas com sede social na França e com uma capitalização de mercado superior a um bilhão de euros.

mhc/meb/mb/aa

Escrito por:

AFP