Publicado 16 de Fevereiro de 2021 - 14h10

Por AFP

Cinco islâmicos foram condenados à morte por um tribunal de Bangladesh nesta terça-feira (16) pelo assassinato de um escritor e ativista dos direitos humanos americano de Bangladesh, cometido há seis anos, informou um promotor à AFP.

A vítima Avijit Roy, autor de dez livros e blogueiro prolífico, foi assassinado com facões na maior feira do livro em Bangladesh, em fevereiro de 2015.

O juiz do Tribunal Especial Antiterrorista de Daca declarou os seis acusados culpados e condenou cinco deles à pena de morte e o outro à prisão perpétua, afirmou à AFP o promotor Golam Sarwar Zakir.

Um advogado da defesa informou que seus clientes vão recorrer da decisão em um tribunal superior.

qan/lth/pz/mis/mb/aa

Escrito por:

AFP