Publicado 13 de Fevereiro de 2021 - 15h50

Por AFP

O técnico argentino Jorge Almirón pediu demissão do comando do Elche após a derrota fora de casa por 3 a 1 para o Celta de Vigo, na sexta-feira, pela 23ª rodada do Campeonato Espanhol, informou o clube neste sábado.

"Jorge Almirón pediu demissão da Direção Técnica do Elche CF", informou a equipe, que ocupa a penúltima posição na tabela do torneio.

"Jorge Almirón não vai continuar como treinador do Elche CF. Do clube, queremos agradecer o trabalho realizado e desejar-lhe o melhor", indicou o comunicado do time da Espanha, que não conquista uma vitória desde outubro, há dezesseis rodadas.

"Tomei a decisão de não continuar. Desejo o melhor aos jogadores e às pessoas que conheço", disse o treinador após a derrota para o Celta, que conquistou sua primeira vitória em 2021.

Jorge Almirón, 49 anos, assumiu a função de treinador do Elche no início da atual temporada, na qual o time retornou à primeira divisão do futebol espanhol.

Após anos como jogador (1991-2009), Almirón iniciou na carreira de treinador na temporada de 2008-2009 em Los Dorados de Sinaloa, no México.

Em seguida, este à frente de clubes da Argentina (Defensa y Justicia, Independiente, Lanús, San Lorenzo), México (Veracruz, Tijuana), Colômbia (Atlético Nacional) e Arábia Saudita (Al-Shabab), antes de fazer sua estreia no futebol europeu no Elche.

bur/dr/lca

Escrito por:

AFP