Publicado 13 de Fevereiro de 2021 - 10h50

Por AFP

Neste sábado (13), a Arábia Saudita anunciou que frustrou um novo ataque contra seu território realizado pelos rebeldes houthis do Iêmen, a poucos dias de sua retirada da lista dos Estados Unidos de "organizações terroristas".

"Um avião bomba não tripulado lançado pelos houthis, que tentava atacar o aeroporto de Abha, foi interceptado e destruído", anunciou a coalizão militar liderada pela Arábia Saudita em um comunicado citado pela televisão estatal El Ekhbariya.

Esta coalizão opera no Iêmen desde 2015 para apoiar as forças do governo contra os rebeldes, apoiados pelo Irã, que recentemente aumentaram seus ataques contra o território saudita.

O aeroporto internacional de Abha (sudoeste) já havia sido atacado na quarta-feira pelos houthis, onde um avião terrestre sofreu um incêndio.

Na quinta-feira, Riade também informou um ataque frustrado com mísseis balísticos e drones lançados para seu território por rebeldes iemenitas.

Esses ataques recentes, assim como as ofensivas no norte do Iêmen, provocaram críticas do governo americano de Joe Biden, que declarou na sexta-feira que os principais líderes dos houthis continuam na lista mencionada, a título pessoal, embora a organização rebelde não esteja mais classificada como terrorista.

bur-aem/awa/mab/eg/aa

Escrito por:

AFP