Publicado 04 de Fevereiro de 2021 - 22h20

Por AFP

O Paraguai assinou um contrato para a compra de vacinas russas Sputnik V destinadas, em princípio, à vacinação de funcionários da saúde, paramédicos e pessoas com mais de 60 anos, anunciou nesta quinta-feira (4) o ministro da Saúde, Julio Mazzoleni.

"Tenho o prazer de anunciar que assinamos um contrato com o Fundo de Investimento Russo", declarou o secretário de Estado em entrevista coletiva.

"Posteriormente estaremos informando sobre o volume e os tempos de entrega das vacinas contra a covid-19", acrescentou.

A compra é resultado de negociações diretas com as farmacêuticas, disse Mazzoleni.

O ministro lembrou que outro lote de vacinas, da Oxford-AztraZeneca, fabricado no Reino Unido e adquirido através do mecanismo Covax, chegará ao Paraguai na segunda quinzena de fevereiro, sem especificação das quantidades.

Com pouco mais de 7 milhões de habitantes, o Paraguai tem um registro de cerca de 136.000 infectados e 2.779 mortes por covid-19, de acordo com as últimas estatísticas divulgadas nesta quinta-feira, uma das mais baixas da América do Sul.

"A situação epidemiológica está estável em relação às duas primeiras semanas deste ano", disse o ministro. "Embora os números estejam estáveis, ainda são elevados e isso não nos permite relaxar", sublinhou.

hro/lda/am

Escrito por:

AFP